sicnot

Perfil

Desporto

Viktor Kassai arbitra jogo do Benfica em São Petersburgo

O húngaro Viktor Kassai vai arbitrar o jogo entre o Zenit de São Petersburgo e o Benfica, da segunda mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões em futebol, indica hoje a UEFA no seu sítio oficial.

O árbitro húngaro Viktor Kassai prepara-se para dirigir o quinto jogo do Benfica nas competições europeias.

O árbitro húngaro Viktor Kassai prepara-se para dirigir o quinto jogo do Benfica nas competições europeias.

© Nigel Roddis / Reuters

Kassai prepara-se para dirigir o quinto jogo do Benfica nas competições europeias, três dos quais terminaram com a vitória da equipa lisboeta, o primeiro por 2-1, em 2007, quando recebeu o Copenhaga na terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões.

A única derrota encarnada sob a arbitragem do árbitro húngaro aconteceu no ano seguinte, em 2008, por 1-0, no estádio dos espanhóis do Getafe, em partida dos oitavos de final da Liga Europa.

Em 2011, o Benfica impôs-se por 2-0 ao Basileia, na Suíça, e, no ano seguinte, bateu em casa os escoceses do Celtic, por 2-1, em ambos os casos em encontros referentes à fase de grupos da Liga dos Campeões.

O Benfica viaja hoje para a Rússia, onde na quarta-feira defrontará o Zenit de São Petersburgo, treinado pelo português André Villas-Boas, depois de ter vencido o jogo da primeira mão, no Estádio da Luz, por 1-0.

Lusa

  • "O bom senso obriga a acordo para a estabilização do sistema financeiro"
    2:06

    Economia

    O Presidente da República disse esta quarta-feira que "o bom senso obriga a que todos estejam de acordo para a estabilização do sistema financeiro". Num aparente recado a Passos Coelho, Marcelo apelou a um consenso de regime e avisou que "não há prazer tático que justifique o desgaste" provocado pelas divisões atuais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.