sicnot

Perfil

Desporto

Garay está aparentemente apto para receção do Zenit ao Benfica

O internacional argentino falhou o jogo de sábado com o Krasnodar, já depois de ter integrado o período de aquecimento, mas treinou sem limitações nesta terça-feira. André Villas-Boas só não contou no treino com Viktor Fayzulin e Aleksey Evseev.

Um Benfica moralizado e com um golo de vantagem, mas muito desfalcado na defesa, joga quarta-feira no 'gelo' de São Petersburgo, face ao Zenit, um lugar nos quartos de final da Liga dos Campeões em futebol.

O sueco Lindelöf, que começou a época na equipa B, é o único central à disposição do treinador Rui Vitória, que não pode contar com os lesionados Júlio César, Luisão e, provavelmente, Lisandro López e os castigados André Almeida e Jardel.

Assim, será com um setor recuado 'remendado' que o Benfica jogará o seu futuro na 'Champions', frente a um conjunto que na frente tem jogadores da qualidade do ex-portista Hulk ou de Dzyuba, sem esquecer Danny, Kokorin ou Shatov.

As dificuldades parecem muitas, mas o Benfica tem sabido, ao longo da época, dar a volta a este tipo de adversidades, como prova a liderança no campeonato e a presença nos 'oitavos' da Liga dos Campeões e nas 'meias' da Taça da Liga.

O primeiro lugar da I Liga, conquistado no sábado, com um triunfo em Alvalade por 1-0, face ao Sporting, e reforçado domingo, com o desaire por 3-1 do FC Porto em Braga, colocou a moral dos 'encarnados' em alta.

A equipa está bem, seguindo com quatro triunfos consecutivos e 15 nos últimos 16 jogos, com um infeliz 1-2 face ao FC Porto pelo meio, e chega a São Petersburgo com uma importante vantagem, a de ter ganhado sem sofrer golos.

Um golo do goleador brasileiro Jonas, já nos descontos, aos 90+1 minutos, valeu um triunfo caseiro por 1-0, que, nas taças europeias, valeu ao Benfica o apuramento em 11 de 12 eliminatórias, incluindo numa das duas presenças nos 'oitavos'.

Face ao então campeão europeu Liverpool, o Benfica venceu em casa por 1-0, com um tento de Luisão, e fez ainda melhor em Anfield Road, vencendo por 2-0, com tentos de Simão e Miccoli.

Na outra vez que esteve nos 'oitavos', o Benfica superou precisamente o Zenit (derrota por 3-2 fora seguida por triunfo por 2-0 em casa), sendo que, em 1994/95, passou diretamente da fase de grupos para os quartos de final.

Em caso de faturar no Estádio Petrovsky, o Benfica sabe que os russos terão de marcar três, o que, à luz dos números mais recentes, não parece ser uma tarefa fácil para o conjunto comandado pelo português André Villas-Boas.

A formação russa não venceu nenhum dos últimos três jogos antes da paragem invernal, em dezembro, e, desde o regresso, só ganhou um de três jogos, e no prolongamento, sendo que, nestes seis embates, nunca marcou mais de um golo.

Para encontrar um golo com dois golos é preciso recuar a 24 de novembro, ao 2-0 ao Valência para a 'Champions', sendo que, três dias antes, o Zenit bateu o Ufa por 3-0.

Apenas com três jogos desde a paragem, o primeiro na Luz, o conjunto russo, que segue apenas em quinto no seu campeonato, a nove pontos do líder CSKA Moscovo, parece longe do seu melhor e também não se apresenta na máxima força.

Se o Benfica perdeu na Luz André Almeida e Jardel, os russos ficaram sem o defesa esquerdo italiano Criscito e o médio espanhol Javi Garcia, que já alinhou no Benfica, tal como Garay ou Witsel, ambos titulares indiscutíveis do Zenit.

O reforço de inverno Zhirkov e Yusupov poderão ser as novidades no 'onze' russo, enquanto Rui Vitória, se não tiver mesmo Lisandro, poderá fazer alinhar Samaris ao lado de Lindelöf, com o regressado Fejsa no meio campo.

O guarda-redes Ederson, que se estreou em Alvalade, face à lesão de Júlio César, jogará na baliza, com Nélson Semedo na direita da defesa, em vez de André Almeida.

Assim, o Benfica poderá alinhar com Nélson Semedo, Lindelöf, Samaris e Eliseu, à frente de Ederson, um meio campo com Fejsa e Renato Sanches, ao meio, e Pizzi e Gaitán, nas alas, no apoio aos avançados Jonas e Mitroglou.

Antes do encontro do Benfica, marcado para as 20:00 locais (17:00 em Lisboa) de quarta-feira, os 'quartos' conhecem na terça-feira os dois primeiros 'inquilinos', em dois confrontos que já parecem definidos.

O Real Madrid, de Cristiano Ronaldo e Pepe, recebe a Roma, depois de ter vencido em Itália por 2-0, enquanto o Wolfsburgo, de Vieirinha, é anfitrião do Gent, que bateu na Bélgica por 3-2.

Na quarta-feira, depois do confronto entre Benfica e Zenit, chegará a bem mais interessante receção do Chelsea ao Paris Saint-Germain, após o 'perigoso' 2-1 para os gauleses no Parque dos Príncipes.

Com Lusa

  • Marco Silva vai treinar o Watford

    Desporto

    O treinador português Marco Silva assinou contrato com o Watford, da Liga Inglesa. O emblema que terminou a última Premier League na 17ª posição, a última antes dos lugares de descida, ganhou assim a corrida ao Crystal Palace e ao FC Porto, que também tentaram contratar o técnico.

  • Sérgio Conceição no radar do FC Porto

    Desporto

    O treinador português e os seus representantes têm marcada para esta sexta-feira uma reunião decisiva com o FC Porto. Sérgio Conceição poderá ser o sucessor de Nuno Espírito Santo no comando técnico dos dragões.

  • "A maior conquista foi construir estabilidade"
    2:14

    Economia

    António Costa voltou esta sexta-feira a garantir que a partir de junho nenhum subsídio de desemprego será inferior a 421 euros por mês. O primeiro-ministro falava nas jornadas parlamentares do PS, onde afirmou que a estabilidade é a maior conquista deste Governo.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Projeto Abem dá medicamentos grátis a 2.500 pessoas
    12:53
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Nove suspeitos do ataque de Manchester têm entre 18 e 38 anos
    1:02
  • Uma foto para a história

    Mundo

    As mulheres dos líderes mundiais que se reúnem nas cimeiras da NATO posam para a fotografia oficial das primeiras-damas. A deste ano é histórica. Pela primeira vez, há um marido de um primeiro-ministro entre as nove mulheres. Trata-se de Gauthier Destenay, casado com o líder do Luxemburgo.

  • Roteiro de sugestões para o fim de semana
    13:00
    Se7e

    Se7e

    6ª feira no Jornal da Noite

    Todas as sextas-feiras há uma rubrica de lifestyle no Jornal da Noite. Se7e mostra o melhor do país, numa parceria SIC/Visão. Um roteiro de sugestões para o fim de semana, com os novos restaurantes e hotéis, as lojas da moda, os bares e as esplanadas.