sicnot

Perfil

Desporto

Layún integrou sem limitações treino do FC Porto

O FC Porto prosseguiu hoje a preparação da receção de sábado ao União da Madeira, para a 26.ª jornada da I Liga de futebol, já com o defesa mexicano Miguel Layún a trabalhar sem limitações.

M\303\201RIO CRUZ

Para colmatar as ausências de Marcano, André André, Brahimi, Evandro e Varela, entregues aos cuidados do departamento clínico dos 'dragões', o treinador José Peseiro chamou ao treino da equipa principal Caio, Victor Garcia e Francisco Ramos, da equipa B.

De acordo com a nota publicada no sítio portista, o defesa espanhol Marcano e o médio brasileiro Evandro efetuaram tratamento às respetivas lesões, Varela, trabalhou no ginásio, e o avançado argelino Brahimi evoluiu para treino condicionado.

No sentido inverso aos de André Caio, Victor Garcia e Francisco Ramos, e em relação ao treino de terça-feira, a sessão não contou com as presenças do guarda-redes José Sá e do avançado André Silva, que se encontram ao serviço do FC Porto B.

Os 'dragões' voltam ao trabalho pelas 10:30 de quinta-feira, no Olival, com uma sessão à 'porta fechada', finda a qual, pelas 13:00, José Peseiro fará a antevisão do jogo com o União da Madeira.

O FC Porto, terceiro classificado a seis pontos do líder Benfica, recebe no sábado o União da Madeira (15.º, com menos 30 pontos), pelas 20:45, a dirigir pelo árbitro Manuel Oliveira, da AF Porto.

Lusa

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55
  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47