sicnot

Perfil

Desporto

Luís Filipe Vieira e Bruno de Carvalho castigados

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, e o presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, foram castigados com 23 e 19 dias de suspensão, respetivamente, revelou hoje o Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Luís Filipe Vieira, presidente do SL Benfica.

Luís Filipe Vieira, presidente do SL Benfica.

LUSA

De acordo com um comunicado do organismo, os dois dirigentes foram punidos pelo regulamento disciplinar relativo à lesão da honra da reputação dos intervenientes das competições profissionais.

No caso de Vieira, em causa estão as declarações proferidas após o Benfica-Rio Ave (3-1), da 10.ª jornada da I Liga, em que o presidente 'encarnado' deixou críticas à arbitragem.

"Gostava de ver amanhã (segunda-feira), nas manchetes dos jornais desportivos, o título roubo em letras bem grandes", afirmou o líder do emblema da Luz, que também terá que pagar uma multa de 1.020 euros.

Por seu lado, o castigo de Bruno de Carvalho refere-se também a afirmações sobre a arbitragem, neste caso depois do Sporting-Tondela (2-2), da 18.ª ronda do campeonato.

Nesse jogo, o presidente 'leonino' foi também expulso do banco de suplentes.

No mesmo comunicado, o CD da FPF anunciou também que Miguel Ribeiro, delegado do Rio Ave, ficará 45 dias suspenso e terá que pagar um multa de 1.530 euros, depois do embate entre o Sporting de Braga e os vila-condenses (5-1), na 19.ª jornada.

Lusa

  • Prisão preventiva para homicida de Barcelos
    1:43

    País

    O alegado homicida de Barcelos vai ficar em prisão preventiva, por quatro crimes de homicídio. Adelino Briote foi ouvido este sábado de manhã no Tribunal de Braga, depois de na sexta-feira ter alegadamente degolado quatro pessoas na freguesia de Tamel, em Barcelos.

  • Homem suspeito de matar a mulher em Esmoriz

    País

    Um homem é suspeito de ter esfaqueado este sábado mortalmente a mulher em Esmoriz, concelho de Ovar, num contexto de violência doméstica, disse à agência Lusa fonte da Guarda Nacional Republicana (GNR).

  • Morte de portuguesa no Luxemburgo afinal não aconteceu

    País

    A morte de uma portuguesa em Bettembourg, no sul do Luxemburgo, não terá acontecido. O Jornal do Luxemburgo avançou, esta manhã, que a emigrante portuguesa tinha sido baleada mortamente pelo filho, uma informação entretanto desmentida por outro jornal online. Segundo o Bom Dia Luxemburgo, o que aconteceu foi afinal uma rusga policial.

  • Estamos quase na hora de verão

    País

    Esta madrugada muda a hora. Quando for 1h00, os relógios adiantam para as 2h00. Será uma noite com menos tempo de sono, mas os dias vão ficar mais longos com o chamado horário de verão.

  • Hora do Planeta, apagam-se as luzes para despertar consciências
    2:19
  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.