sicnot

Perfil

Desporto

Jonas Gutierrez acusa Newcastle de o ter despedido por cancro

O futebolista argentino Jonas Gutierrez, que processou o Newcastle por descriminação por deficiência, acusou hoje o clube inglês de o ter despedido devido ao cancro que teve nos testículos.

© Action Images / Reuters

"Fui notificado mesmo antes de iniciar o tratamento ao cancro. Foi um grande choque", contou o atual jogador do Deportivo da Corunha, de Espanha.

O atleta de 32 anos lembrou que a sua surpresa pela saída foi ainda maior face ao papel que tinha na equipa: "Especialmente pelo facto de ter disputado 194 jogos pelo clube, no qual era um dos jogadores-chave. Sinto que fui descartado da equipa devido ao meu cancro."

O antigo internacional argentino chegou ao Newcastle em 2008 e, em outubro de 2013, foi submetido a uma operação para retirar um tumor do testículo esquerdo.

Segundo Jonas Gutierrez, o treinador da altura, Alan Pardew, disse-lhe em dezembro que não competiria mais pela equipa, apesar de lhe restarem 19 meses de contrato.

O argentino contou ainda que o clube o impediu de atingir o limite de 80 jogos disputados entre 2011 e 2015, o que lhe renovaria automaticamente o contrato: aos 78 desafios, foi emprestado ao Norwich, em janeiro de 2014.

Segundo a imprensa britânica, o futebolista reclama uma indemnização de 2,5 milhões de euros.

Lusa

  • As zonas de guerra que o fogo deixou
    3:13

    País

    A chuva finalmente ajudou na luta contra as chamas e o que fica agora é um cenário de devastação no norte e centro do país. Morreram 37 pessoas, arderam centenas de casas e empresas e há críticas severas à falta de meios.

  • CDS avança com moção de censura ao Governo

    País

    A líder do CDS anunciou hoje que o partido vai apresentar uma moção de censura ao Governo, na sequência dos incêndios que fizeram 37 mortos desde domingo, quatro meses depois da tragédia de Pedrógão Grande.

    Em atualização

  • O mapa das vítimas dos incêndios
    1:19

    País

    Aumentou para 37 o número de mortes na sequência dos fogos que assolaram a zona Centro do país desde o fim de semana. Feridos são pelo menos 71. Atualizamos aqui o mapa, segundo o último balanço da Proteção Civil.

  • Visto do céu, Portugal é um país que se vestiu de negro
    3:28
  • Homem morreu ao tentar salvar animais das chamas
    2:30
  • "Estou a ficar sem água, vai ser um trabalho inglório"
    1:06