sicnot

Perfil

Desporto

Ricardo Carvalho e Anthony Lopes falham primeiro treino da seleção

Ricardo Carvalho, do Mónaco, e Anthony Lopes, do Lyon, falharam hoje o primeiro treino da seleção portuguesa de futebol, de preparação para os particulares com a Bulgária e Bélgica, devido à greve dos controladores aéreos em França.

SIC

Os dois jogadores já tinham falhado a concentração da equipa das 'quinas', na segunda-feira, já que os respetivos voos foram cancelados, não havendo certezas se os atletas se juntarão ainda hoje à comitiva lusa.

Os restantes 22 atletas convocados, entre os quais o estreante Renato Sanches, estiveram às ordens do selecionador Fernando Santos, no treino que se realizou no Estádio do Restelo, em Lisboa, sendo que, nos 15 minutos abertos aos jornalistas, todos trabalharam sem limitações.

Nesse período, os atletas realizaram os habituais exercícios de aquecimento, antes de serem divididos em duas equipas, para trabalho tático e circulação de bola.

Destaque para as inclusões dos médios do Sporting William Carvalho, Adrien e João Mário numa equipa com Cristiano Ronaldo e Nani na frente de ataque.

Portugal recebe a Bulgária, em Leiria, na sexta-feira, e quatro dias depois, a 29 de março, desloca-se a Bruxelas para defrontar a Bélgica, em dois jogos que servem de preparação para a fase final do Euro2016.

Na quarta-feira, a seleção nacional prossegue a preparação para os dois particulares.

No Campeonato Europeu, que vai decorrer de 10 de junho a 10 de julho, em França, Portugal vai disputar o Grupo F com a Áustria, Islândia e Hungria.

Lusa

  • Montenegro nunca será candidato contra Passos
    0:50
  • Dijsselbloem não comenta hipótese de ser substituído por Mário Centeno
    2:41

    Mundo

    Jeroen Dijsselbloem diz que cabe ao Governo português avançar com o nome de Mário Centeno para a presidência do Eurogrupo, mas não comenta a sondagem que foi feita ao ministro das Finanças português. Ouvido esta quinta-feira no Parlamento Europeu, o Presidente do Eurogrupo esteve no centro das críticas e reafirmou que não se demite.