sicnot

Perfil

Desporto

Joseph Blatter admite ir ao Mundial 2018

O ex-presidente da FIFA Joseph Blatter, suspenso por seis anos de toda a atividade no futebol, disse estar disponível para marcar presença na fase final do Mundial2018.

Em questão está o pagamento de 1,8 milhões de euros da FIFA a Platini em 2011, alegadamente por trabalhos como conselheiro por este realizado para a FIFA, entre 1999 a 2002, com base num contrato verbal. (Arquivo)

Em questão está o pagamento de 1,8 milhões de euros da FIFA a Platini em 2011, alegadamente por trabalhos como conselheiro por este realizado para a FIFA, entre 1999 a 2002, com base num contrato verbal. (Arquivo)

© Denis Balibouse / Reuters

Segundo a edição de hoje do diário alemão Frankfurter Allgemeine Zeitung, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, enviou um convite a Blatter para a prova, mas o suíço não confirma a notícia, embora admita que, se for convidado, aceitará.

"Se for convidado, aceitarei", assegurou ao jornal alemão Joseph Blatter, que não se desloca a um estádio desde que foi suspenso, no âmbito do escândalo de corrupção que assolou a FIFA.

Depois de uma punição inicial de oito anos de suspensão, aplicada pelo Comité de Ética da FIFA, Blatter recorreu para o Comité de Apelo, que reduziu a pena para seis anos.

Blatter foi suspenso por um controverso pagamento, considerado ilegal, de 1,8 milhões de euros em 2011, por alegado trabalho de consultadoria realizado por Michel Platini, nove anos antes, em 2002.

Tal como Blatter, também o presidente suspenso da UEFA recebeu um castigo idêntico na segunda instância da FIFA e também já recorreu para o Tribunal Arbitral do Desporto TAS.

Lusa

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.