sicnot

Perfil

Desporto

Morreu Fernando Mendes, antigo jogador do Sporting

O antigo jogador do Sporting Fernando Mendes faleceu esta quinta-feira, no Hospital Pulido Valente, em Lisboa, vítima de doença prolongada. Tinha de 78 anos.

Arquivo SIC

Fernando Mendes ergueu o único troféu europeu do Sporting, naquele que foi o ponto mais alto de uma carreira curta como jogador, mas recheada de êxitos, entre os quais se contam três títulos nacionais três títulos nacionais (57/58, 61/62 e 65/66) e uma Taça de Portugal (62/63).

Como treinador principal, sagrou-se campeão nacional em 1979/80 pelo Sporting e foi treinador adjunto do inglês Keith Burkinshaw em Alvalade durante duas épocas, em 1986/87 e 1987/88, além de ter sido treinador interino em várias ocasiões, a última em 2000/01.

Mendes estreou-se na equipa principal de Alvalade aos 20 anos, a 10 de fevereiro 1957, frente ao Atlético, em jogo a contar para o campeonato, e na época seguinte conquistou o seu primeiro título, embora não jogasse regularmente.

Só a partir da época 1958/59 viria a conquistar um lugar no meio-campo 'leonino', no qual se destacou como um jogador tecnicista e com capacidade de liderança, característica que o levou a obter o estatuto de capitão de equipa com apenas 22 anos, após a retirada de um dos 'cinco violinos', José Travassos.

Mendes envergou a camisola da seleção nacional por 21 vezes, tendo sofrido uma grave lesão no joelho aos 27 anos, no dia 25 de abril de 1965, em Bratislava, frente à Checoslováquia, lesão essa que o impediu de participar no Mundial de 1966, em Inglaterra, embora tivesse integrado a comitiva por decisão do selecionador Otto Glória, que alegou a importância do capitão dos 'leões' no grupo.

Após um ano de inatividade, ainda voltou aos relvados ao serviço do Sporting, mas com as sequelas da lesão nunca mais voltou a ser o mesmo jogador, tendo terminado a carreira ao serviço do Atlético.

Deu início à sua carreira de treinador em pequenos clubes, até regressar ao Sporting em 1975 como adjunto de Juca, para mais tarde assumir as funções de técnico principal dos juniores.

Em novembro de 1979 foi chamado a assumir o comando técnico da equipa principal do Sporting, substituindo o professor Rodrigues Dias, e o que era uma solução interina acabou por se revelar a aposta certa, visto que Fernando Mendes liderou a equipa, onde pontificavam Jordão e Manuel Fernandes, rumo ao título nacional.

Posteriormente, foi adjunto do inglês Keith Burkinshaw em Alvalade durante duas épocas, em 1986/87 e 1987/88, e treinador principal interino no decorrer da época 1995/96, a substituir Carlos Queiroz, entretanto despedido, e durante a época 2000/01, na sequência do despedimento de Augusto Inácio.

Última atualização às 18:37/Com Lusa