sicnot

Perfil

Desporto

Nélson Évora ambiciona atingir 18 metros nos Jogos Olímpicos Rio2016

Nélson Évora, campeão olímpico do triplo salto em Pequim2008, manifestou hoje o desejo de atingir a marca dos 18 metros nos Jogos Olímpicos do Rio2016, garantindo que se apresentará na melhor forma.

© Phil Noble / Reuters

"O momento alto deste ano serão os Jogos do Rio. Convém que salte muitas vezes os 17 metros, mas eu quero mesmo é chegar aos 18. Sinto-me bem, forte e acredito que o resultado final vai ser bom", disse Nélson Évora à margem da assinatura de um protocolo com um concessionário de uma marca automóvel.

Tendo como melhor marca do ano os 16,89 alcançados em março nos Mundiais de pista coberta, em Portland (EUA), o atleta do Benfica não duvida das suas capacidades, referindo que se encontra a preparar os Jogos Olímpicos Rio2016 de uma forma muito exigente.

"Estou numa altura de muito volume, na reta final para estes Jogos. Procuro manter a motivação e a concentração nos níveis máximos e, para mim, isso não é um problema", explicou o campeão olímpico de 2008.

Nelson Évora realçou que o apoio da família e da equipa técnica é "espetacular", reiterando a "motivação" que estes lhe transitem sempre que representa as cores nacionais.

Sobre a parceria assinada com a CS Santos VP, concessionária da Mercedes, o atleta de 31 anos mostrou-se orgulhoso, destacando o facto de este tipo de iniciativas não se limitar apenas ao futebol.

"É uma grande honra para mim estar associado a esta marca, pois significa o reconhecimento do meu trabalho. É mais uma vitória e surge na altura ideal. As pessoas devem reparar que não é só no futebol que acontecem este tipo de iniciativas", confessou.

A terminar, Nélson Évora deixou um recado para os atletas mais jovens: "Sejam ambiciosos e bastante humildes no seu percurso. Só assim conseguirão atingir aquilo que querem".

Lusa

  • 10 Minutos com Eurico Reis
    11:20

    10 Minutos

    Há quatro meses que Portugal é um dos poucos países europeus onde é possível recorrer à gestação de substituição. E há já um casal que teve luz verde para começar os tratamentos. Para um balanço, foi nosso convidado Eurico Reis, juiz desembargador e presidente do Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida, a entidade que autoriza os processos de gestação de substituição.

    Entrevista completa

  • Parlamento discute utilização de animais no circo
    2:01
  • Seis meses depois da tragédia de Pedrógão Grande
    5:55

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Assinalou-se este domingo meio ano desde que o país ficou em choque com o rasto de morte e destruição causado pelos incêndios florestais na região centro. A tragédia de Pedrogão Grande foi há precisamente seis meses. Enquanto segue a reconstrução no tempo possível e com o Natal à porta, a vida prossegue, mas não voltará a ser mesma.

  • A inédita entrevista do príncipe Harry a Barack Obama
    0:47

    Mundo

    Foi divulgado um vídeo pouco habitual em que aparece o príncipe Harry a entrevistar Barack Obama para um programa de rádio. A conversa foi gravada em setembro, durante um evento desportivo para militares com deficiência, e será transmitida na íntegra no dia 27 de dezembro.