sicnot

Perfil

Desporto

Barcelona eliminado nos quartos de final da Champions

O campeão europeu de futebol em título, o FC Barcelona, foi hoje eliminado nos quartos de final da 'Champions' pelo Atlético Madrid, no mesmo dia em que o Benfica lutou, mas teve de ceder ante o 'colosso' Bayern.

BALLESTEROS

No Vicente Calderón, dois golos do francês Antoine Griezmann ditaram a vitória do 'Atleti' por 2-0, a anular o 2-1 da primeira mão e a deixar o detentor do troféu pelo caminho, mau grado um intensíssimo domínio no meio do terreno da equipa da cidade condal.

Os 'colchoneros' defenderam muito, e bem, e não prescindiram do contra-ataque, pelo que não escandalizou o 1-0, aos 36 minutos, com o francês a cabecear muito bem um centro de Saul Niguez.

Impecável a defender, Oblak, antigo guarda-redes do Benfica, era a primeira linha das 'cadenas' madrilenas, dando confiança aos seus companheiros e ajudando a mais um jogo sem sofrer golos em casa.

Na primeira parte, o 'Barça' só conseguiu mesmo um remate de longe, por Neymar, enquanto que Messi prossegue uma pequena 'travessia do deserto' e já leva 452 minutos sem marcar.

Após o reatamento, e já depois de Saul ter enviado um remate à barra (53), os madrilenos confirmaram a reviravolta aos 88 minutos, com Griezmann a cobrar com eficácia uma grande penalidade absolutamente indiscutível.

O árbitro não teve dúvidas em assinalar a mão na área de Iniesta, a cortar um passe 'de morte' de Filipe Luís para Griezmann.

O Atlético de Madrid junta-se assim ao rival Real e ao Manchester City, apurados na terça-feira, e ao Bayern, que foi à Luz empatar 2-2 com o Benfica, após vitória em Munique por 1-0.

Mesmo sem Jonas e Mitroglou, o Benfica deu muita luta e fez a sua melhor eliminatória de sempre contra o Bayern, único campeão nacional no quarteto final da 'Champions'.

Entre Javi Martinez e Alaba, o mexicano Raul Jimenez saltou melhor e marcou aos 27 minutos, 'incendiando' a Luz, já que a eliminatória ficava igualada.

Não durou muito a ilusão, já que, aos 38, o Bayern empatou o jogo, com Arturo Vidal a fazer uma grande recarga, de primeira, depois de uma defesa apertada de Ederson.

Aos 52 minutos, Thomas Muller 'matou' a eliminatória, fazendo o 2-1 para o Bayern, se bem que o empate ainda viesse a ser conseguido de livre direto de Talisca, aos 76.

Pela quinta vez consecutiva, o Bayern chega às meias-finais da Liga dos Campeões e reparte agora o maior quinhão de favoritismo com o Real Madrid.

Lusa

  • Costa preparado para falar da renegociação da dívida no plano europeu
    2:24

    Economia

    O primeiro-ministro não quer quebrar com as regras impostas pela UE e não vai dar o primeiro passo na renegociação da dívida, mas estará na linha da frente quando Bruxelas ceder. Em entrevista à RTP, António Costa garante que o Governo cumpriu tudo aquilo que acordou com o presidente demissionário da Caixa Geral de Depósitos, António Domingues.

  • Benfica persegue oitavos da Liga dos Campeões

    Desporto

    O Benfica tenta hoje a qualificar-se para os oitavos de final da Liga dos Campeões de futebol, procurando uma vitória na receção ao Nápoles que lhe permita vencer o Grupo H e manter-se a salvo do perseguidor Besiktas.

  • Parkinson pode ter início nos intestinos

    Mundo

    Um novo estudo científico vem revelar que a doença de Parkinson pode não estar apenas no cérebro. A doença pode ter início nos intestinos e mais tarde migrar para o cérebro.

  • Nova Deli é "altamente tóxica" para os cidadãos

    Mundo

    Nova Deli foi considerada altamente tóxica para os cidadãos. A capital da Índia é considerada há mais de três anos a cidade mais poluída do mundo, mas só este ano se concluiu que é tão tóxica que é capaz de provocar doenças crónicas a quem lá vive.

  • Condutores continuam com dúvidas em como circular numa rotunda
    2:06

    País

    Circular nas rotundas continua a ser um problema para muitos condutores. Cerca de 3 mil foram multados nos últimos três anos depois da entrada em vigor do novo código, os números são avançados pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária. Os instrutores de condução dizem que a medida provoca mais confusão nas horas de ponta.