sicnot

Perfil

Desporto

Nadine Kessler abandona futebol aos 28 anos devido a lesão no joelho

A alemã Nadine Kessler, melhor futebolista do mundo em 2014, anunciou hoje o fim da carreira, aos 28 anos, devido às persistentes lesões no joelho.

Nadine Kessler, ao lado de Cristiano Ronaldo, quando foi eleita melhor futebolista em 2014

Nadine Kessler, ao lado de Cristiano Ronaldo, quando foi eleita melhor futebolista em 2014

© Ruben Sprich / Reuters

"É muito doloroso para mim ter de admitir que não posso continuar a minha carreira por motivos de saúde", afirmou a antiga médio do Wolfsburgo ao site da federação alemã na Internet.

Nadine Kessler conquistou um Europeu, em 2013, duas Ligas dos Campeões, em 2012/13 e 2013/14, numa final disputada no Estádio do Restelo, em Lisboa, e a Algarve Cup em 2014, além de quatro ligas alemãs, duas das quais ao serviço do Turbine Potsdam.

"No entanto, estou otimista sobre o futuro e grata por todos os maravilhosos momentos que tive com o meu país e o meu clube. Quero agradecer ao Wolfsburgo por todos os anos de fantásticos sucessos desportivos e as memórias inesquecíveis (...) sempre joguei futebol com grande paixão e carinho. Agora estou ansiosa por ter novos desafios", frisou Kessler, que foi também a melhor futebolista do Euro2013.

Kessler, que marcou 10 golos nas suas 29 internacionalizações, despede-se dos relvados depois de tentar recuperar de uma lesão no joelho durante 18 meses.

Lusa

  • 10 Minutos com Eurico Reis
    11:20

    10 Minutos

    Há quatro meses que Portugal é um dos poucos países europeus onde é possível recorrer à gestação de substituição. E há já um casal que teve luz verde para começar os tratamentos. Para um balanço, foi nosso convidado Eurico Reis, juiz desembargador e presidente do Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida, a entidade que autoriza os processos de gestação de substituição.

    Entrevista completa

  • Parlamento discute utilização de animais no circo
    2:01
  • Seis meses depois da tragédia de Pedrógão Grande
    5:55

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Assinalou-se este domingo meio ano desde que o país ficou em choque com o rasto de morte e destruição causado pelos incêndios florestais na região centro. A tragédia de Pedrogão Grande foi há precisamente seis meses. Enquanto segue a reconstrução no tempo possível e com o Natal à porta, a vida prossegue, mas não voltará a ser mesma.

  • A inédita entrevista do príncipe Harry a Barack Obama
    0:47

    Mundo

    Foi divulgado um vídeo pouco habitual em que aparece o príncipe Harry a entrevistar Barack Obama para um programa de rádio. A conversa foi gravada em setembro, durante um evento desportivo para militares com deficiência, e será transmitida na íntegra no dia 27 de dezembro.