sicnot

Perfil

Desporto

Portugal pode testar vídeo árbitro

Os testes para a implementação do vídeo árbitro podem vir a ser feitos em Portugal, disse hoje à agência Lusa fonte oficial da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Na sequência da reunião tida com o International Board (IFAB), em Londres, com as federações e ligas interessadas em testar esta nova tecnologia, a FPF ficou integrada no grupo de estudo, tendo a possibilidade de vir a acolher testes.

Sem que ainda estejam definidos quais os países e competições que vão receber estes testes, ficou ainda decidido que o processo vai decorrer em duas fases, a primeira na época 2016/17, em jogos oficiais e sem divulgação pública, e a segunda em 2017/18, já de forma experimental e pública.

Em março, o IFAB, entidade que regula as leis no futebol, aprovou a título experimental o recurso às imagens vídeo nas arbitragens dos jogos.

O período experimental decorrerá durante os próximos dois anos, "o mais tardar na época 2017/2018", para, segundo o comunicado do IFAB, "identificar as vantagens, desvantagens e os piores cenários".

Após o aval à tecnologia de linha de golo, em 2012, o guardião das leis do futebol voltou a abrir as portas a outras tecnologias para auxílio do trabalho dos árbitros.

Lusa

  • "O bom senso obriga a acordo para a estabilização do sistema financeiro"
    2:06

    Economia

    O Presidente da República disse esta quarta-feira que "o bom senso obriga a que todos estejam de acordo para a estabilização do sistema financeiro". Num aparente recado a Passos Coelho, Marcelo apelou a um consenso de regime e avisou que "não há prazer tático que justifique o desgaste" provocado pelas divisões atuais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.