sicnot

Perfil

Desporto

Governo francês vai propor prolongamento do estado de emergência até Euro 2016

O Governo francês vai propor ao parlamento prolongar por dois meses o estado de emergência instaurado após os atentados de 13 de novembro, de modo a cobrir o período do Euro2016, anunciou hoje o primeiro-ministro, Manuel Valls.

© Charles Platiau / Reuters

Este regime de exceção, decretado após os atentados terroristas em Paris, já tinha sido prolongado em fevereiro por três meses, até 26 de maio.

O Governo quer agora estendê-lo até ao fim de julho de modo a abranger o Campeonato Europeu de Futebol de 2016, que se realiza em França de 10 de junho a 10 de julho.

"O estado de emergência não pode ser permanente, mas devemos garantir plenamente a segurança dos grandes acontecimentos", disse Valls à emissora France Info, referindo-se ao campeonato de futebol e também ao Tour de França, igualmente em julho.

O primeiro-ministro francês sublinhou que o Euro2016 "deve celebrar-se com toda a segurança e ao mesmo tempo ser uma festa, com os estádios e as zonas para fãs cheios".

O chefe do Governo francês assinalou que o titular da pasta da Administração Interna, Bernard Cazeneuve, apresentará a medida hoje no Conselho de Ministros, que será transmitida em seguida ao Conselho de Estado, a instância administrativa máxima de França, e por fim ao parlamento para ser votada.

O estado de emergência, que reforça as medidas de segurança, foi decretado após os atentados de novembro em Paris em que 130 pessoas morreram e 300 ficaram feridas.

Os dois anteriores prolongamentos foram criticados por organismos como o Conselho da Europa, que considera que este dispositivo teve efeitos concretos "relativamente limitados" na luta contra o terrorismo, mas restringiu "fortemente" o exercício das liberdades fundamentais.

Lusa

  • "A nossa lei tem demasiados buracos"
    0:44

    País

    Rui Cardoso acusa a classe política de não querer resolver os problemas da corrupção em Portugal. Entrevistado na Edição da Noite da SIC Notícias o magistrado do Ministério Público considera que ainda há um longo caminho a percorrer no combate à corrupção.

  • Beyoncé e a irmã caem e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Cientistas querem sequenciar genomas de 15 milhões de espécies

    Mundo

    Um consórcio internacional de cientistas, que por enquanto não inclui portugueses, propõe-se sequenciar, catalogar e analisar os genomas (conjuntos de informação genética) de 15 milhões de espécies, uma tarefa que levará dez anos a fazer, foi divulgado esta segunda-feira.