sicnot

Perfil

Desporto

Sócios do Paços de Ferreira têm direito a dois bilhetes extra para receção ao Braga

Os sócios do Paços de Ferreira podem adquirir dois bilhetes extras para a receção ao Sporting de Braga, numa medida da direção pacense visando garantir o máximo apoio ao clube da I Liga de futebol, no sábado.

A vitória deixa o Paços isolado no quinto posto com 28 pontos, menos um do que o Sporting de Braga, quarto, enquanto a formação setubalense ocupa um tranquilo nono lugar com 22 pontos.

A vitória deixa o Paços isolado no quinto posto com 28 pontos, menos um do que o Sporting de Braga, quarto, enquanto a formação setubalense ocupa um tranquilo nono lugar com 22 pontos.

FERNANDO VELUDO / Lusa

"Os sócios do FC Paços de Ferreira podem adquirir até dois bilhetes extra (bancada central) pelo preço de três de euros cada para a partida (com o Sporting de Braga)", informa o clube pacense na sua página oficial na Internet.

Os ingressos podem ser adquiridos na secretaria do estádio Capital do Móvel, no sábado, dia do jogo, numa estratégia que repete o que foi feito em jornadas anteriores (um bilhete extra na receção ao FC Porto) com o objetivo de garantir apoio à principal equipa de futebol.

Para o público em geral, os ingressos estão fixados em 15 euros para o topo sul e 20 para a bancada central.

A quatro jornadas do fim do campeonato, o Paços de Ferreira precisa de garantir seis dos 12 pontos em disputa para cumprir o objetivo fixado no início da época de melhorar o registo da temporada anterior (47 pontos), mas a reaproximação ao sexto lugar, partilhado por Arouca e Rio Ave, ambos com 46, reabre a esperança de uma qualificação europeia.

O jogo de sábado vai ficar ainda marcado por vários reencontros, desde logo a equipa técnica minhota agora liderada por Paulo Fonseca, mas também o guarda-redes Marafona, os defesas Baiano e Ricardo Ferreira e ainda os médios Luiz Carlos e Josué, todos eles com passado no clube pacense.

O encontro entre Paços de Ferreira e Sporting de Braga, da 31.ª jornada da principal Liga portuguesa de futebol, realiza-se no Estádio Capital do Móvel, no sábado, às 20:45, e será arbitrado por Carlos Xistra, da Associação de Futebol de Castelo Branco.

Lusa

  • Inglaterra estreia-se com vitória suada frente à Tunísia

    Mundial 2018 / Tunísia

    A seleção inglesa estreou-se no Mundial 2018 com um triunfo sobre a Tunísia por 2-1, com o golo da vitória a ser apontado já para lá do minuto 90. O jogo foi referente à 1.ª jornada do grupo G. Veja aqui os golos e os lances que marcaram o encontro.

  • O melhor golo do 5.º dia de Mundial

    Desporto

    Numa escolha feita pelos jornalistas de desporto e do site da SIC Notícias, mostramos-lhe o melhor golo deste quinto dia de Mundial. Foi apontado por Dries Mertens, na vitória da Bélgica sobre o Panamá por 3-0.

  • Repitam comigo: Portugal vai ser campeão do Mundo
    4:56
  • "Estamos a plantar fósforos"
    2:09

    Opinião

    O calor regressou esta segunda-feira em força e no terreno estiveram quase 1300 bombeiros a combater 70 fogos por todo o país. Depois da tragédia de Pedrógão Grande, o Presidente da República diz que a consciência do país mudou mas é preciso fazer mais. Já Miguel Sousa Tavares diz que o país está mais preparado para combater os incêndios do que alguma vez esteve. No entanto, o comentador da SIC diz que já foram plantados mais de "2500 hectares de eucaliptos" desde Pedrógão e que enquanto isso acontecer Portugal vai continuar a arder. 

    Miguel Sousa Tavares

  • Rapper XXXTentacion morto em aparente tentativa de roubo

    Cultura

    O rapper norte-americano XXXTentacion, de 20 anos, morreu na noite de segunda-feira depois de ter sido baleado, na Florida, no sudeste dos Estados Unidos. Um dos suspeitos terá disparado e atingido o rapper e, de seguida, dois suspeitos fugiram numa viatura escura. A polícia está a considerar tentativa de roubo.

  • Merkel tem duas semanas para negociar solução para crise migratória

    Mundo

    A chanceler alemã tem duas semanas para negociar com os parceiros europeus uma solução para a questão migratória e assim evitar uma crise política. O ultimato foi dado pelo CSU, o partido da Baviera que integra a coligação governamental. Ao contrário de Angela Merkel, defende uma política para os refugiados mais estrita.