sicnot

Perfil

Desporto

Jorge Jesus considera legal golo de Slimani frente ao Moreirense

Jorge Jesus considerou hoje legal o golo de Slimani frente ao Moreirense, criticando a nota dada ao árbitro assistente nesse encontro da I Liga de futebol e justificou a sua expulsão como exagero de poder por parte dos árbitros.

OCTAVIO PASSOS

Na conferência de imprensa de antevisão ao encontro entre o Sporting e o União da Madeira, da 31.ª jornada da I Liga de futebol, o treinador do Sporting considerou uma decisão "de muita categoria" a validação do golo de Slimani em Moreira de Cónegos.

"O observador do jogo deu nota negativa ao assistente com o Moreirense, foi uma decisão de muita categoria. O auxiliar está na linha do último jogador e quando a dinâmica do jogo é desenvolvida, ele não pode estar na linha da bola. O observador tem de perceber, não há nenhum auxiliar que esteja na linha do jogador e quando a bola vai na frente esteja lá. Ele tinha de ter asas e voar, isto não é 'playstation'", afirmou.

O técnico, que se fez acompanhar de imagens projetadas, considerou que, se a decisão tive sido tomada num jogo da UEFA, o "auxiliar teria nota positiva".

"Este auxiliar foi penalizado numa situação onde esteve bem, é difícil ter uma certeza absoluta. É um golo legal e parabéns ao auxiliar. Se fosse na UEFA este auxiliar tinha uma nota positiva. Parabéns pela coragem em decidir este lance. Este observador devia ir para casa", vincou.

O treinador também se fez acompanhar de imagens para se defender da expulsão que foi alvo por parte de Bruno Paixão, considerando que os árbitros estão a "exagerar".

"É a terceira vez que sou expulso esta época, os árbitros estão a exagerar no poder que têm, porque estão a expulsar não só o Jorge Jesus mas também os meus colegas, a maioria das vezes por tudo e por nada, a minha expulsão foi isso. O treinador também faz parte do espetáculo, deve-se olhar mais para isso e ter mais respeito. Os árbitros mostram autoridade nos jogos tanto para os jogadores como treinadores, não é pelo cartão, é pela qualidade", concluiu.

Lusa

  • Jorge Jesus multado em 192 euros

    Desporto

    O treinador do Sporting, Jorge Jesus, foi hoje punido com uma multa de 192 euros pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), mas poderá sentar-se no banco frente ao União da Madeira.

  • Raul José diz que expulsão de Jesus é inexplicável
    0:34

    Desporto

    O treinador-adjunto do Sporting criticou a expulsão de Jorge Jesus no jogo de ontem, frente ao Moreirense. Raul José realçou a vitória dos leões, na sala de imprensa, no final do encontro. Por seu turno, o treinador do Moreirense lamentou o único golo sofrido e comenta ainda que Slimani estava fora de jogo.

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.