sicnot

Perfil

Desporto

Jorge Jesus considera legal golo de Slimani frente ao Moreirense

Jorge Jesus considerou hoje legal o golo de Slimani frente ao Moreirense, criticando a nota dada ao árbitro assistente nesse encontro da I Liga de futebol e justificou a sua expulsão como exagero de poder por parte dos árbitros.

OCTAVIO PASSOS

Na conferência de imprensa de antevisão ao encontro entre o Sporting e o União da Madeira, da 31.ª jornada da I Liga de futebol, o treinador do Sporting considerou uma decisão "de muita categoria" a validação do golo de Slimani em Moreira de Cónegos.

"O observador do jogo deu nota negativa ao assistente com o Moreirense, foi uma decisão de muita categoria. O auxiliar está na linha do último jogador e quando a dinâmica do jogo é desenvolvida, ele não pode estar na linha da bola. O observador tem de perceber, não há nenhum auxiliar que esteja na linha do jogador e quando a bola vai na frente esteja lá. Ele tinha de ter asas e voar, isto não é 'playstation'", afirmou.

O técnico, que se fez acompanhar de imagens projetadas, considerou que, se a decisão tive sido tomada num jogo da UEFA, o "auxiliar teria nota positiva".

"Este auxiliar foi penalizado numa situação onde esteve bem, é difícil ter uma certeza absoluta. É um golo legal e parabéns ao auxiliar. Se fosse na UEFA este auxiliar tinha uma nota positiva. Parabéns pela coragem em decidir este lance. Este observador devia ir para casa", vincou.

O treinador também se fez acompanhar de imagens para se defender da expulsão que foi alvo por parte de Bruno Paixão, considerando que os árbitros estão a "exagerar".

"É a terceira vez que sou expulso esta época, os árbitros estão a exagerar no poder que têm, porque estão a expulsar não só o Jorge Jesus mas também os meus colegas, a maioria das vezes por tudo e por nada, a minha expulsão foi isso. O treinador também faz parte do espetáculo, deve-se olhar mais para isso e ter mais respeito. Os árbitros mostram autoridade nos jogos tanto para os jogadores como treinadores, não é pelo cartão, é pela qualidade", concluiu.

Lusa

  • Jorge Jesus multado em 192 euros

    Desporto

    O treinador do Sporting, Jorge Jesus, foi hoje punido com uma multa de 192 euros pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), mas poderá sentar-se no banco frente ao União da Madeira.

  • Raul José diz que expulsão de Jesus é inexplicável
    0:34

    Desporto

    O treinador-adjunto do Sporting criticou a expulsão de Jorge Jesus no jogo de ontem, frente ao Moreirense. Raul José realçou a vitória dos leões, na sala de imprensa, no final do encontro. Por seu turno, o treinador do Moreirense lamentou o único golo sofrido e comenta ainda que Slimani estava fora de jogo.

  • Atirador canadiano mata combatente do Daesh a 3,5km de distância

    Mundo

    Um atirador das Forças Especiais do Canadá matou um combatente do Daesh com um tiro disparado a 3,5 quilómetros de distância, no passado mês de maio, no Iraque. O Comando de Operações Especiais canadiano garantiu à BBC que a distância do disparo, realizado com sucesso, é já considerada um recorde na história militar.

  • Revelada a verdadeira identidade de Banksy?

    Cultura

    O músico e produtor Goldie pode ter revelado a identidade do artista mais conhecido por Banksy, durante uma entrevista ao podcast do rapper Scroobius Pip. Goldie referiu Robert Del Naja de forma acidental e os fãs acreditam que a identidade do artista britânico foi finalmente desvendada.

  • "Mãe, por favor, para de dizer asneiras. Não quero que leves um tiro"
    0:51

    Mundo

    O Departamento de Investigação da Polícia do Minnesota divulgou esta sexta-feira um vídeo com imagens de um incidente que levou à morte de um afro-americano pela polícia, nos Estados Unidos da América. Em julho de 2016 um polícia atingiu mortalmente Philando Castile, de 32 anos, durante uma operação de controlo rodoviário. O homem procurava os documentos de identificação quando o polícia disparou quatro tiros. Nas imagens é possível ver o desespero da filha da companheira de Philiando Castile, minutos depois de ter visto o padrasto a morrer. O agente responsável pela morte de Castile foi absolvido pelo Tribunal na semana passada.

  • Depois da "provocação", o acidente em cadeia
    0:43

    Mundo

    Um vídeo de um acidente numa autoestrada em Santa Clarita, na Califórnia (EUA), está a tornar-se viral nas redes sociais. Nas imagens é possível ver um motociclista a dar um pontapé num carro que seguia à sua frente. Como forma de "retribuição", o carro vira na direção da mota mas bate no separador e depois numa carrinha que acabou por capotar. Segundo a imprensa norte-americana o condutor da carrinha foi levado para o hospital com ferimentos ligeiros. Já a pessoa que conduzia a mota seguiu o seu caminho.