sicnot

Perfil

Desporto

Zidane confirma ausência de Ronaldo na visita ao Rayo Vallecano

O treinador do Real Madrid confirmou hoje que Cristiano Ronaldo não jogará sábado com o Rayo Vallecano, da 35.ª jornada da liga espanhola de futebol, por estar a recuperar de uma sobrecarga muscular na coxa direita.

© Juan Medina / Reuters

"Amanhã [sábado] não vai estar, fizemos uma ecografia e uma ressonância magnética. Não tem nada de grave, mas tem uma sobrecarga muscular e não vai jogar. Veremos a evolução dia a dia, o problema é que ele quer sempre jogar, mas vai ficar em casa. Logo vermos como está para o jogo de terça-feira", afirmou Zinedine Zidane, em conferência de imprensa.

O técnico francês admitiu ter-se arrependido de não ter dado descanso ao internacional português que, na quarta-feira, saiu a coxear do encontro com o Villarreal, da 34.ª jornada da liga espanhola, que os 'merengues' venceram por 3-0.

Zidane disse mesmo que se o encontro de sábado fosse uma final, colocar Ronaldo a jogar "seria arriscar muito" e mostrou-se esperançado em poder contar com o português no jogo da próxima terça-feira, no terreno do Manchester City, na primeira mão das meias-finais da Liga dos Campeões.

O Real Madrid ocupa a terceira posição da liga espanhola, com 78 pontos, menos um que o FC Barcelona e o Atlético de Madrid, que seguem na frente.

Lusa

  • Casa Branca isolada devido a pacote suspeito

    Mundo

    A Casa Branca foi esta terça-feira isolada devido à presença de um pacote suspeito junto a uma das vedações que limitam o edifício governamental norte-americano. A situação já foi normalizada e o objeto retirado do local.

  • Inspetores do SEF cansados das promessas do Governo
    1:00

    País

    O sindicato do SEF garante que a segurança contra o terrorismo vai ser assegurada na greve de quinta-feira e sexta-feira nos aeroportos. Acácio Pereira, do sindicato, diz que os inspetores são quase escravos e que estão fartos das promessas do Governo. A greve deverá afetar cerca de 30 mil pessoas. 

  • Graça Fonseca, a primeira governante a assumir-se homossexual
    1:02

    País

    A secretária de Estado da Modernização Administrativa deu uma entrevista ao Diário de Notícias onde assume a sua homossexualidade. É a primeira vez que um governante português o faz. Graça Fonseca assume esta posição pública como uma "afirmação política".