sicnot

Perfil

Desporto

João Sousa é único português no Estoril Open após eliminação de Gastão Elias

O tenista luso Gastão Elias foi hoje eliminado na segunda ronda do Estoril Open, ao ser derrotado frente ao francês Paul-Henri Mathieu (6-3, 6-4), ficando João Sousa, que ainda não jogou, como único português em prova.

MADE NAGI

Frente ao número 59.º do ranking mundial, Gastão Elias admitiu que a qualidade do adversário fez a diferença e revelou não ter dado o seu melhor ténis.

"Comecei um pouco tenso. Ele do início ao fim esteve muito consistente e não me deu oportunidades. Basicamente, ele jogou muito bem e eu não joguei o meu melhor", lamentou.

No primeiro encontro do dia, o britânico Kyle Edmund confirmou o favoritismo ao derrotar o espanhol Daniel Gimeno-Traver (6-3 e 7-7), ao fim de uma hora e 30 minutos.

O espanhol Inigo Cervantes, número 57.º da hierarquia mundial, levou a melhor sobre o compatriota Daniel Munoz de La Nava, com uma vitória fácil pelos parciais 6-4, 6-1.

Já o canadiano Steven Diez, proveniente da fase de qualificação, não apresentou argumentos para derrotar o nipónico Taro Daniel, perdendo por 7-5, 6-1, após uma hora e 34 minutos de jogo.

Na partida que opôs Benjamin Becker e Rogério Dutra Silva, o brasileiro não teve dificuldades em impor-se frente ao germânico, triunfando pelos parciais 6-4, 6-1.

O espanhol Guilhermo Garcia-Lopez, quinto cabeça de série e semifinalista na última edição do torneio luso, apenas tremeu um pouco no segundo set frente ao alemão Michael Berrer, levando a melhor pelos parciais 6-3, 7-6, no encontro mais longo do dia.

Com entrada no quadro principal, depois de ultrapassar a fase de qualificação, o sueco Elias Ymer, de 20 anos, deu luta a Paolo Lorenzi, mas não foi capaz de contrariar a experiência do italiano, que venceu por 7-6, 6-3.

Em pares, a dupla portuguesa Frederico Gil e Felipe Cunha Silva até ganhou o segundo set, mas os norte-americanos Eric Butorac e Scott Lipsky acabaram por triunfar no super tie-break, vencendo por 6-4, 7-6, 10-6.

No outro embate de pares masculinos, o tenista luso Frederico Silva, que fez dupla com o britânico Kyle Edmund, venceu os suecos Johan Brunstrom e Andreas Siljestrom, ao fim de uma hora e 34 minutos, por 6-5, 6-3, 10-6.

Os croatas Borna Coric e Franko Skugor apresentaram-se mais fortes e venceram (7-5, 6-4, 10-8) a dupla composta por Roberto Maytin e Miguel Angel Reyes-Varela, numa partida muito equilibrada e disputada ponto a ponto.

Lusa

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.