sicnot

Perfil

Desporto

Federação turca ratifica vitória por 4-0 do Fenerbahçe sobre o Trabzonspor

A Federação turca ratificou hoje a vitória por 4-0 do Fenerbahçe sobre o Trabzonspor, em casa deste, no último domingo, partida que foi interrompida aos 88 minutos pelo árbitro após invasão de campo e agressão a um árbitro assistente.

© Murad Sezer / Reuters

Vários adeptos do Trabzonspor invadiram o relvado quase no final da partida e um deles agrediu um árbitro de baliza, ao mesmo tempo que eram arremessados vários objetos para o campo, incluindo cadeiras, o que forçou o árbitro a suspender o jogo da 30.ª jornada da Liga turca, quando o resultado estava em 4-0, sendo um dos golos marcados pelo internacional português Nani.

O Fenerbhaçe, treinador por Vítor Pereira e que conta com mais dois portugueses - Bruno ALves e Raul Meireles - está a disputar o título de campeão, ocupando o segundo lugar, a três pontos do Besiktas.

A rivalidade com o Trabzospor é antiga e geradora de conflitos entre adeptos, de que é exemplo recente o episódio ocorrido em abril de 2015, quando o autocarro com a equipa do Fenerbahçe foi alvejado com tiros enquanto atravessava uma rua de Trabzon, tendo um deles atingido o motorista gravemente.

Lusa

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07