sicnot

Perfil

Desporto

João Sousa e Gastão Elias eliminados nos quartos dos pares do Estoril Open

Os tenistas português João Sousa e Gastão Elias foram hoje eliminados nos quartos de final do torneio de pares do Estoril Open, ao perderem com os polacos Lukasz Kubot e Marcin Matkowski, primeiros cabeças de série.

JOS\303\211 SENA GOUL\303\203O

Os últimos representantes portugueses no único torneio ATP em Portugal ainda venceram o primeiro 'set', por 6-3, mas os polacos deram a volta por 6-3 e 10-7 no super 'tie-break', após uma hora e 16 minutos.

"O jogo de ténis de alto nível é perigoso, porque as coisas podem estar controladas e uma bola ou outra pode rumar o rumo do encontro. Eu não costumo falar de sorte, mas acho que hoje foi o que aconteceu. Houve dois pontos de ouro, em que eu servi e a bola deles bateu na tela", lembrou Elias, reconhecendo que ambos sentiam estar a um grande nível para poder vencer hoje.

Nas meias-finais, os polacos vão defrontar os croatas Borna Coric e Franko Skugor, que hoje afastaram os israelitas Jonathan Erlich e o britânico Colin Fleming, por 6-4, 6-4.

Lusa

  • Lesados do Banif confiaram "num sistema que os aldrabou"
    2:00
  • "Octávio Machado foi a terceira escolha" para o cargo
    2:01
  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26
  • "Temos de melhorar o sistema de prevenção e combate dos incêndios"
    18:07

    País

    O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias, desta quinta-feira. Em análise esteve o chumbo do PCP na criação de um banco nacional de terras, a reforma da floresta em Portugal, as falhas no sistema de comunicação do SIRESP, a lei da rolha nos bombeiros, a seca no país e ainda a pesca da sardinha, que poderá vir a ser proibida durante 15 anos. 

    Entrevista SIC Notícias

  • Direita acusa presidente da Assembleia da República de não estar à altura do cargo
    2:06

    País

    O presidente da Assembleia da República está a ser novamente criticado pela oposição. Numa entrevista à Antena 1, Eduardo Ferro Rodrigues disse que não queria falar sobre o caso Galpgate para não causar espasmos à direita. Na reação, o CDS diz que a segunda figura do Estado deve abandonar as trincheiras partidárias. A direita acusa ainda que o presidente da Assembleia de não estar à altura do cargo.

  • "Sempre me senti em casa em Portugal"
    1:11