sicnot

Perfil

Desporto

Villarreal vence o Valência e segura quarto lugar ameçado pelo Athletic Bilbau

O Villarreal venceu hoje por 2-0 em casa do Valência, dos portugueses João Cancelo e André Gomes, em jogo referente à 36.ª jornada, e segurou o quarto lugar da Liga espanhola de futebol, assegurando uma vaga no 'play-off' da Liga dos Campeões.

© Reuters Staff / Reuters

Samuel Garcia, aos 14 minutos, e o ex-portista Adrián López, aos 33, foram os marcadores dos golos do Villarreal, que é quarto posição da Liga espanhola, a 24 pontos de FC Barcelona (primeiro) e Atlético de Madrid (segundo) e a 23 pontos do Real Madrid (terceiro).

Quando faltam disputar duas jornadas para o termo da Liga espanhola, o Villarreal leva seis pontos de vantagem sobre o Athletic Bilbau, que subiu ao quinto lugar após vencer em casa o Celta de Vigo, por 2-1, depois de ter estado a perder.

O Celta de Vigo, que tinha dois pontos de vantagem sobre os bascos, inaugurou o marcador com um tento do chileno Orellana, aos 13 minutos, mas o jogo virou a favor dos anfitriões em dois minutos, com golos de Aduriz, aos 38, na conversão de uma grande penalidade, e de Raúl Garcia, aos 72.

O Espanyol recebeu e bateu por 1-0 o Sevilha, do português Diogo Figueiras, com um golo aos 52 minutos do equatoriano Felipe Caicedo, jogador que já representou o Sporting.

Com esta derrota, o Sevilha, que segue no sétimo lugar do campeonato espanhol, atrasou-se na perseguição ao sexto lugar ocupado pelo Celta de Vigo, que ficou agora à 'distância' de cinco pontos.

O Getafe, primeiro clube abaixo da linha da manutenção, mas ainda na luta pela permanência, venceu em casa do Deportivo, por 2-0, com golos de Pedro León, aos 41 minutos, e de Carlos Vigaray, aos 85.

Com os três pontos conquistados, o Getafe segue na 18.ª e antepenúltima posição da Liga espanhola, com 35 pontos, os mesmos que o Rayo Vallecano (19.º) e Sporting Gijon (17.º) e menos um do que o Granada (16.º).

Lusa

  • Captura ilegal de cavalos-marinhos na Ria Formosa
    3:02

    País

    Há cada vez menos cavalos marinhos na Ria Formosa. Cientistas da Universidade do Algarve dizem que a maior população desta espécie no mundo, que é a que existe na Ria Formosa, está ameaçada devido à captura ilegal para o mercado asiático. Dizem que, se nada for feito para travar este fenómeno, esta espécie protegida pode desaparecer em poucos anos.