sicnot

Perfil

Desporto

Liga esclarece que apenas prevê jogos à mesma hora na última jornada

A Liga Portuguesa de Futebol (LPFP) esclareceu hoje que, face às alterações de regulamentos no final da época de 2014/15, apenas os jogos da última jornada (34.º) "devem ser realizados ao mesmo dia e à mesma hora".

(Liga Portuguesa de Futebol)

(Liga Portuguesa de Futebol)

"Até à época passada, estas disposições valiam nas duas últimas jornadas", lembrou hoje a Liga, em nota publicada na sua página oficial, mas que esta temporada a alínea k do artigo 44 do regulamento aponta para a derradeira ronda.

O organismo refere ainda que a regra não se aplica a jogos "cujos resultados não tenham interferência direta ou indireta na tabela classificativa, em matéria de promoções e despromoções, de obtenção do primeiro lugar, de lugares de posicionamento nas fases da Taça da Liga e de lugares de acesso às competições da UEFA".

No caso da definição de campeão, numa luta que se cinge a Benfica (82 pontos) e Sporting (80), e caso não seja encontrado um vencedor já na próxima jornada, os dois clubes terão que jogar no mesmo dia e à mesma hora.

Na próxima jornada, a penúltima, o Sporting entra em campo no sábado, com a receção ao Vitória de Setúbal (20:45), enquanto o Benfica joga apenas no domingo, dia em que visita o Marítimo (20:30).

Na última ronda, os "leões" jogam em casa do Sporting de Braga, quase a garantir o quarto lugar, e as "águias" recebem o Nacional, equipa atualmente nona classificada.

Lusa

  • Aeroporto Cristiano Ronaldo? Nem todos os madeirenses estão de acordo
    2:21
  • Fatura da água a dobrar
    2:26

    Economia

    Desde o início do ano que a população de Celorico de Basto está a receber duas faturas da água para pagar. Tanto a Câmara como a Águas do Norte reclamam o direito a cobrar pelo serviço. Contactada pela SIC, a Entidade Reguladora esclarece que o município não pode emitir faturas e tem de devolver o dinheiro.

  • Vala comum com 6 mil corpos em Mossul
    1:43

    Daesh

    Há suspeitas de que o Daesh tenha criado uma vala comum com cerca de seis mil corpos a sul de Mossul, no Iraque. A área em redor estará minada. A revelação é de uma equipa de reportagem da televisão britânica Sky News.

  • A menina que os pais queriam chamar "Allah"

    Mundo

    ZalyKha Graceful Lorraina Allah tem 22 meses, anda não sabe ler nem escrever mas já está no centro de um processo judicial contra o Estado da Georgia, nos EUA. Os pais, Elizabeth Handy e Bilal Walk, apoiados por uma ONG, exigem na justiça que o nome seja reconhecido na certidão de nascimento para que a criança possa ser inscrita na escola, na segurança social ou nos registos e notoriado. O casal já tem um filho de 3 anos que se chama Masterful Mosirah Aly Allah.