sicnot

Perfil

Desporto

PJ investiga transferências de jogadores russos da U.Leiria

PJ investiga transferências de jogadores russos da U.Leiria

A Policia Judiciária de Leiria fez buscas nas SAD da União de Leiria Sporting, Benfica e SC Braga, mas o alvo da operação é a SAD do Leiria. A Operação Matrioskas investiga a venda de jogadores. As autoridades constituiram, até ao momento, seis arguidos.

As buscas começaram cedo e em simultâneo. Os inspetores da Judiciária procuraram documentos relativos á transfêrencia de jogadores russos que jogam nas equipas B.

A operação, a que a PJ deu o nome de Matrioskas, investiga a venda de jorgadores do Leiria ao Benfica, Sporting e Sporting de Braga. Incide apenas em negócios feitos nos últimos dois anos pela nova SAD do clube leiriense, que é presidida por um cidadão de nacionalidade russa. Há suspeitas de que o dinheiro das transferências possa ter passado por um pais do Báltico.

Em comunicado, a Judiciária adianta que "a investigação desenvolve-se desde o início de 2015, tendo por objeto a presumível prática de crimes de branqueamento, fraude fiscal, falsificação de documentos e associação criminosa por parte de cidadãos nacionais e estrangeiros, correlacionados com a atividade desportiva".

A PJ acrescenta que "as diligências, materializadas nas regiões de Leiria, Lisboa e Braga, mediante execução de 22 buscas domiciliárias e não domiciliárias, permitiram apreender material com relevante interesse probatório e subsequente constituição de pessoas individuais e coletivas como arguidas".

O alvo das investigaçãoes é a nova SAD do Leiria. A SIC sabe que não há suspeitas em relação ao Benfica, Sporting ou Sporting de Braga.

Em causa estarão os crimes de falsificação de documentos, fraude fiscal e branqueamento de capitais.

A operação está a cargo da Policia Judiciária de Leiria, mas também há inspetores da Unidadade Nacional de Combate à Corrupção envolvidos nas buscas.

Última atualização às 15:00

  • O percurso dos rendimentos de Ronaldo
    3:43

    Football Leaks

    O Ministério das Finanças espanhol abriu uma investigação a Cristiano Ronaldo, por eventuais irregularides na declaração dos rendimentos da publicidade. A Gestifute, empresa do agente do avançado do Real Madrid, garante que Ronaldo tem os impostos em dia. A investigação aos documentos extraídos da plataforma informática Football Leaks, liderada pela revista alemã Der Spiegel, e da qual faz parte o jornal Expresso, conseguiu traçar o percurso dos rendimentos do melhor jogador do mundo.

  • Fábio Coentrão investigado por suspeita de delitos fiscais
    3:37

    Football Leaks

    O Ministério Público de Madrid acusou o defesa português Ricardo Carvalho de evasão fiscal e está a investigar Fábio Coentrão por eventuais delitos fiscais. Além dos dois portugueses a justiça acusou ainda o espanhol Xabi Alonso, o argentino Ángel Di María e investiga o colombiano Falcão. As investigações surgem depois da revelação do caso Football Leaks, investigada pelo Expresso e pelo consórcio europeu de jornalistas que tiveram acesso a milhões de documentos.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
    Contas Poupança

    Contas Poupança

    4ª FEIRA JORNAL DA NOITE

    Chamar o médico a casa é um procedimento habitual para muitas famílias, mas chamar um enfermeiro a casa é menos comum. Uma portuguesa criou um sistema inovador no mundo em que pode chamar um enfermeiro a casa através da internet ou de uma aplicação para telemóvel com os mesmos preços em todo o país e sem mensalidades. Só paga o serviço que utilizar. O Contas Poupança foi conhecer os preços e comparar para ver se compensa.

  • As primeiras palavras de um dos sobreviventes da Chapecoense
    0:29
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.