sicnot

Perfil

Desporto

Dínamo de Bucareste confirma morte de Patrick Ekeng

O Dínamo de Bucareste confirmou hoje a morte do internacional camaronês Patrick Ekeng, que desfaleceu em campo durante um jogo do campeonato romeno de futebol.

O internacional dos Camarões, de 26 anos, caiu inanimado no relvado sete minutos depois de ter entrado em campo, sem que tivesse havido qualquer contacto com adversários, durante o jogo frente ao Viitorul Constanta.

Ekeng, que foi contratado pelo Dínamo em janeiro último, ainda foi levado de urgência para o hospital, onde os médicos tentaram tudo para o reanimar, sem êxito, porém.

"As tentativas de reanimação prolongaram-se durante uma hora e meia, mas não foram surtiram efeito", disse o médico do Dínamo, Liviu Paltinean, em declarações aos jornalistas.

Muitos adeptos do clube de Bucareste juntaram-se em frente ao hospital até altas horas da noite para expressar seu pesar pela morte do jogador.

"Não posso acreditar, é um pesadelo. Para mim, para a equipa e para todos os adeptos do Dínamo. É demais", disse o diretor executivo do Dínamo, Ionel Danciulescu.

A morte de Ekeng traz à memória a do seu compatriota Marc-Vivien Foe, que morreu vitimado por um ataque cardíaco em 2003, quando jogava uma partida da Copa das Confederações frente à Colômbia, no Estádio Gerland, em Lyon, França.

Mais recentemente, o defesa Grégory Mertens morreu três dias depois de sofrer um ataque cardíaco ao serviço da equipa belga do Lokeren, em 2015.

Antes de ingressar no Dínamo de Bucareste, Ekeng representou vários clubes europeus, tendo estado ao serviço do Le Mans, na II Liga francesa, entre 2009 e 2013, de onde se transferiu para o Lausanne, da Suíça, na época 2013/14 e deste para os espanhóis do Córdoba, no qual iniciou a época 2014/15 até se transferir em janeiro para o Dínamo de Bucareste.

"Não há palavras para expressar a nossa tristeza pela morte de Patrick Ekeng. Lamentamos profundamente a sua perda. Nunca te esqueceremos, amigo. RIP [descansa em paz]", escreveu o Córdoba, anterior clube do camaronês, uma mensagem no 'twitter'.

Lusa

  • Jogadores que morreram em campo

    Desporto

    O médio camaronês Patrick Ekeng, do Dínamo de Bucareste, morreu durante um jogo do campeonato romeno, depois de ter caído inanimado em campo. Em Portugal, vários jogadores já morreram enquanto jogavam ou durante os treinos. Pavão, do FC Porto, Miklós Fehér e Bruno Baião, do Benfica, são nomes que dificilmente serão esquecidos.

  • Partidos vão apresentar propostas alternativas à descida da TSU
    2:52

    TSU

    O Presidente da República defende a redução da Taxa Social Única mas deixa a porta aberta a outra via para compensar o aumento do salário mínimo. PCP e Bloco de Esquerda insistem que não pode haver contrapartidas que estimulem os salários baixos mas admitem outras formas de aliviar as empresas. À direita, também o CDS irá apresentar propostas.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.