sicnot

Perfil

Desporto

Arouca qualifica-se pela primeira vez para as taças europeias de futebol

O Arouca conquistou hoje pela primeira vez na sua história um lugar nas taças europeias de futebol, face ao desaire do Rio Ave (1-3 com o FC Porto), um dia depois da derrota do Paços de Ferreira.

(Arquivo)

(Arquivo)

Lusa

A formação comandada por Lito Vidigal, que se desloca na segunda-feira ao reduto do Estoril-Praia, já garantiu, no mínimo, que acabará o campeonato no sexto lugar, que dá acesso às pré-eliminatórias da Liga Europa.

O conjunto do distrito de Aveiro segue no quinto lugar, com 52 pontos, contra 48 do Paços de Ferreira, derrotado sexta-feira por 4-1 na receção ao Tondela, 47 do Rio Ave e 46 do Estoril-Praia.

O sexto lugar vale um lugar na Liga Europa uma vez que os finalistas da Taça de Portugal são o FC Porto (terceiro colocado, com 70 pontos), que já garantiu um lugar no 'play-off' de acesso à Liga dos Campeões, e o Sporting de Braga (quarto, com 57), certo na fase de grupos da Liga Europa.

O Arouca está a cumprir apenas a terceira presença na I Liga, sendo que já garantiu a sua melhor classificação de sempre, depois do 12.º posto de 2013/14 e do 16.º de 2014/15.

Após 32 encontros, os arouquenses somam 13 vitórias, incluindo uma sobre o Benfica (1-0, em Aveiro) e outra face ao FC Porto (2-1, no Dragão), 13 empates e seis derrotas, com 44 golos marcados e 35 sofridos.

O Sporting (dois desaires) e o líder Benfica (quatro) são as únicas equipas que perderam menos vezes do que a equipa de Lito Vidigal.

Lusa

  • "É preciso despartidarizar o sistema de Proteção Civil", diz Duarte Caldeira
    2:47
  • Homem morreu ao tentar salvar animais das chamas
    2:30
  • Arcebispo de Braga pede responsabilidades pelos incêndios
    1:40

    País

    Braga também sofreu um dos mais violentos incêndios dos últimos anos. O fogo descontrolado atravessou várias freguesias e destruiu duas empresas. A igreja, pela voz do arcebispo de Braga, pede ação e o apuramento de responsabilidades, face a esta calamidade.

  • "Estou a ficar sem água, vai ser um trabalho inglório"
    1:06