sicnot

Perfil

Desporto

Real Madrid e FC Barcelona são os mais valiosos do mundo em 2016

Real Madrid e FC Barcelona são as duas equipas de futebol mais valiosas do mundo em 2016, com um valor de 3.203,50 e 3.119,13 milhões de euros, respetivamente, segundo a lista anual elaborada pela revista Forbes.

© Reuters Staff / Reuters

O Real Madrid é, pela 11.ª vez, o clube com mais bilhetes vendidos, com 609,92 milhões de euros de receita, de acordo com um comunicado emitido pelo clube 'merengue', seguido do FC Barcelona, que registou uma receita de 593,22 milhões de receita com bilheteira, a qual equivale a um crescimento de 12 por cento relativamente ao ano transato.

O pódio da revista norte-americana é completado com o Manchester United, com um valor de 2.915,48 milhões de euros, cuja receita com a venda de bilhetes ascende a 549,30 milhões, mais sete por cento do que em 2015.

Além dos 'red devils', a I Liga inglesa conta com mais cinco equipas entre os dez primeiros: Arsenal (1.772,84 milhões de euros), Manchester City (1.688,46), Chelsea (1.459,94), Liverpool (1.354,39) e Tottenham (893,87).

Os dois colossos espanhóis, o Bayern de Munique, no quarto lugar, e a Juventus, em nono, completam a lista dos dez primeiros clubes mais valiosos do mundo em 2016, segundo a Forbes.

Lusa

  • "Miúdos de 5 e 6 anos a perguntar: a minha casa ardeu, o meu pai está queimado?"
    4:55
  • Presidente visita zonas afetadas pelos fogos
    2:00

    País

    Numa visita inesperada, o Presidente da República esteve esta manhã em Vouzela, um dos concelhos mais atingidos pelos incêndios. Marcelo Rebelo de Sousa vai estar nos próximos dias no distrito de Viseu.

  • "Viverei com o peso na consciência até ao último dia"
    3:00
  • A fotografia que está a correr (e a impressionar) o Mundo

    Mundo

    A fotografia de uma cadela a carregar, na boca, o cadáver calcinado da cria está a comover o mundo. Entre as muitas fotografias que mostram o cenário causado pelos incêndios que devastaram a Galiza nos últimos dias, esta está a causar especial impacto. O registo é do fotógrafo Salvador Sas, da agência EFE. A imagem pode impressionar os mais sensíveis.