sicnot

Perfil

Desporto

Luis Enrique lembra que FC Barcelona só depende de si para ser campeão

O treinador Luís Enrique lembrou hoje que o FC Barcelona apenas desde de si próprio para conquistar o 24.º título de campeão, mas espera um "jogo muito difícil" em Granada, na 38.ª última jornada da liga espanhola de futebol.

© Albert Gea / Reuters

Na ronda decisiva, os catalães partem na liderança com mais um ponto do que o Real Madrid, que também joga no sábado e à mesma hora no terreno do Deportivo da Corunha.

"Vai ser um jogo muito difícil por causa da pressão de ser o último e decisivo da temporada. Dependemos de nós próprios, sabemos disso e vamos fazer o que fizemos nas outras 37 jornadas, que é entrar em campo e tentar dominar a partida. Claro que, no futebol, não sabemos o que pode acontecer", afirmou Luís Enrique, em conferência de imprensa.

O técnico espanhol, que levou o FC Barcelona ao título na última temporada, considerou que o Granada, equipa que assegurou a manutenção na última ronda, vai entrar em campo "sem pressão" e isso poderá complicar a vida a formação catalã.

"O Atlético Madrid ficou afastado do título porque perdeu com uma equipa que já estava despromovida. Antes do jogo, se calhar muita gente pensaria que o Atlético ganharia com facilidade. No futebol tudo é possível e sabemos que vamos defrontar um Granada completamente livre", referiu.

No Granada atuam os internacionais portugueses Miguel Lopes e Ricardo Costa.

O Granada-FC Barcelona e o Deportivo da Corunha-Real Madrid têm início marcado para as 16:00 (17:00 horas de Madrid).

Lusa

  • Incêndio de Setúbal "quase dominado"
    4:04

    País

    O incêndio que deflagrou segunda-feira em Setúbal está "quase dominado", segundo informações da presidente da Câmara. Maria das Dores Meira diz que não há feridos a registar e que os habitantes já vão regressando a casa. Para ajudar no combate ao fogo foram enviados meios de Lisboa.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26
  • Danos Colaterais 
    18:55
    Reportagem Especial

    Reportagem Especial

    Jornal da Noite

    Nos últimos oito anos a banca perdeu 12 mil profissionais. A dimensão de despedimentos no setor é a segunda maior da economia portuguesa, só ultrapassada pela construção civil. A etapa mais complexa da história começou em 2008, com a nacionalização do BPN. Desde então, as saídas têm sido a regra. A reportagem especial desta terça-feira, "Danos Colaterais", dá voz aos despedidos da banca.