sicnot

Perfil

Desporto

Novo ministro do Desporto do Brasil promete sucesso dos Jogos Olímpicos

O recém-nomeado ministro dos Desporto do Brasil, Leonardo Picciani, prometeu hoje "sucesso absoluto" para os Jogos Olímpicos do Rio2016, a decorrer em solo brasileiro de 5 a 21 de agosto.

© Ueslei Marcelino / Reuters

"Os trabalhos em curso para a realização dos Jogos Olímpicos do Rio2016 estão a progredir bem e dentro dos prazos previstos, pelo que estou convencido que não haverá qualquer problema" referiu Leonardo Picciani.

O novo ministro do Desporto do Brasil assegurou que os Jogos Olímpicos irão "engrandecer a imagem do país a nível internacional e deixar uma herança importante para a população".

"Vamos dispor de uma ocasião ímpar para mostrar o Brasil ao mundo inteiro", disse ainda Leonardo Picciani, acrescentando que não foram poupados esforços para a realização de um grande evento.

O novo ministro não escapa, no entanto, a suspeitas de conflito de interesses, uma vez que a Agrobilara, empresa pertencente à sua família, é acionista minoritária da Tamoio, que fornece o cascalho para obras em curso para o Rio2016.

"O Ministério do Desporto não assina contratos. As obras para os Jogos Olímpicos já estão concluídas e eram geridas pelo Comité Olímpico Internacional, Comité Olímpico do Brasil e município do Rio de Janeiro", refere em comunicado o ministério.

Leonardo Picciani é o terceiro ministro do Desporto do Brasil este ano, depois de George Hilton e Ricardo Leyser, e é o quinto após a organização dos Jogos de 2016 ter sido atribuída, em 2009, ao Rio de Janeiro.

Lusa

  • Presidente do Comité Olímpico do Brasil garante sucesso dos Jogos
    0:58

    Desporto

    No seguimento da destituição de Dilma Rousseff, Leonardo Picciani assumiu ontem o cargo de ministro dos Desportos do Brasil. É o terceiro em três meses, quando faltam 84 dias para o início dos Jogos Olímpicos. Apesar da instabilidade no país, o presidente do Comité Olímpico do Brasil, Carlos Nuzman, garante que nada irá afetar a realização dos jogos em Agosto.

  • Dilma afasta ministro do Desporto do Governo
    1:30

    Mundo

    Dilma Rousseff afastou o ministro do Desporto do Governo, a quatro meses dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. George Hilton foi o centro das atenções desde que trocou de partido para se manter no Governo brasileiro. O novo ministro é Ricardo Leyser, o funcionário do ministério responsável pela organização dos Jogos Olímpicos.

  • Tocha olímpica já chegou ao Brasil
    4:19

    Desporto

    A tocha olímpica chegou de helicóptero ao Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Depois, seguiu para o Palácio do Planalto, onde foi recebida por Dilma Rousseff. O símbolo olímpico começou uma viagem de três meses em território brasileiro: vai passar por mais de 328 cidades e percorrer cerca de 20 mil quilómetros. O destino final é o Estádio do Maracanã, o palco da cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de janeiro, a 5 de agosto. O Rio de Janeiro já se prepara para os jogos. O Comité Olímpico Internacional tem procurado separar a crise política no Brasil da realização dos jogos.

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Encontrados dez sobreviventes no hotel engolido por um avalanche em Itália
    1:44
  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.