sicnot

Perfil

Desporto

Cristiano Ronaldo voltou a superar os 30 golos, mas falhou o título

O futebolista português Cristiano Ronaldo voltou em 2015/16 a ultrapassar a fasquia dos 30 golos na Liga espanhola de futebol, mas, desta vez, não logrou levar o Real Madrid ao título e falhou o 'pichichi'.

© Miguel Vidal / Reuters

Em sete épocas ao serviço dos 'merengues', o 'capitão' da seleção lusa continua com apenas um cetro, conquistado em 2011/12, na segunda das três épocas em que o compatriota José Mourinho liderou a equipa madrilena.

Com os 35 golos de 2015/16, em 36 jogos, Cristiano Ronaldo já é o segundo melhor marcador da história da competição, com 261 tentos, em apenas 236 encontros, mas, como em muitos outros aspetos, está atrás do argentino Lionel Messi, que conduziu o FC Barcelona ao oitavo título em 12 anos.

Apesar das mais de três dezenas de golos apontados na edição 2015/16, o internacional português só apareceu uma vez nos jogos 'grandes', frente aos outros clubes que conseguiram apuramento para a Liga dos Campeões.

A 02 de abril, em pleno Nou Camp, quando o relógio já seguia nos 85 minutos, Cristiano Ronaldo apontou o tento da vitória dos 'merengues', que encurtaram para sete pontos a desvantagem para o FC Barcelona, então já com as 'faixas' encomendadas.

Nos outros cinco jogos entre os quatro primeiros, Ronaldo ficou sempre em 'branco', com o Real a ser goleado na receção ao 'Barça' (0-4), a perder os dois jogos com o Atlético (1-1 fora e 0-1 em casa) e a cair também em Villarreal (0-1).

O '7' dos 'merengues' não marcou em mais 11 encontros, num total de 16, conseguiu um tento em 11 ocasiões, dois em seis e três ou mais apenas três vezes.

Uma 'manita' no reduto do Espanyol (6-0), logo à terceira jornada, depois de não ter marcado nas duas primeiras, fez antever mais uma época de 'festival', mas, só uma volta depois, voltou a ter um jogo em 'cheio'.

Face aos catalães, agora no Santiago Bernabéu, à 22.ª jornada, Cristiano logrou um 'hat-trick', sendo que, à 28.ª, na receção ao Celta de Vigo (7-1), fez ainda melhor, ao alcançar um 'póquer'.

O português ainda esteve na luta pelo título de melhor marcador do campeonato ('pichichi') e da 'Bota de Ouro', mas uma lesão fê-lo perder a corrida para Luis Suárez (FC Barcelona), que marcou 14 golos nas últimas cinco rondas.

Quanto ao coletivo, o Real Madrid ainda sonhou até à última jornada, mas, depois de desbaratar 11 pontos em 12 possíveis, entre a 30.ª e a 33.ª jornadas, o 'Barça' fechou a prova com cinco triunfos consecutivos e selou o 'bis'.

Lusa

  • Marcar cedo e resistir (ou como Portugal venceu Marrocos)

    Mundial 2018 / Portugal

    A seleção nacional alcançou hoje a primeira vitória no Mundial 2018, frente a Marrocos, em Moscovo. Cristiano Ronaldo (outra vez) marcou logo aos quatro minutos. Depois, Portugal pouco mais fez senão aguentar as investidas dos marroquinos, que ficam desde já afastados dos oitavos de final.

  • Fernando Santos dá um puxão de orelhas à equipa
    1:57
  • E vão quatro de Ronaldo
    1:58
  • Ronaldo, o motivador
    3:23
  • Os "memes" do desempenho de Cristiano Ronaldo frente a Marrocos
    1:25
  • Cristiano Ronaldo: o melhor do jogo, o melhor do Mundial, o melhor do mundo

    Mundial 2018 / Portugal

    Apesar da prestação de Rui Patrício na defesa da baliza lusa, Cristiano Ronaldo foi eleito o homem do jogo, pela segunda vez consecutiva, depois de marcar o golo que deu a vitória a Portugal frente a Marrocos. O capitão português ofereceu à equipa os três pontos essenciais para a eventual passagem aos oitavos de final. Mas Ronaldo não fica por aqui. Contas feitas, CR7 é o melhor marcador do Mundial (4 golos em 2 jogos) e já marcou 85 golos por Portugal, feito nunca antes alcançado nem por Eusébio nem por Pauleta. No auge dos 33 anos, há quem diga que Ronaldo "é como o vinho do Porto". Será que ainda vai chegar à marca dos 100? Parece que, para o CR7, nada é impossível.

  • Parecia que Rui Patrício tinha cola nas luvas
    5:40
  • Os momentos descontraídos dos jogadores que estão no Mundial
    1:54
  • Selecionador de Marrocos queixa-se da arbitragem
    1:41
  • Georgina Rodriguez assistiu ao jogo de Portugal e acenou a Ronaldo
    1:05
  • Ronaldo no País dos Sovietes: O humor russo
    1:32
  • Schulz responde a Trump: "é um especialista em estatísticas criminais"

    Mundo

    "Donald Trump é um especialista em estatísticas criminais: pagamentos a estrelas porno, contactos ilegais com russos e diretores de campanha presos". Foi assim que o deputado alemão Martin Schulz respondeu ao Presidente norte-americano, depois de este ter afirmado várias vezes que a criminalidade na Alemanha aumentou devido à imigração.

    SIC

  • "Vou pedir a alguém que dê esta notícia por mim". Jornalista emociona-se com o caso dos bebés mexicanos separados das famílias
    0:49