sicnot

Perfil

Desporto

Aston Villa vendido a um grupo chinês por 76,5 milhões de euros

O Aston Villa foi vendido a um grupo chinês, propriedade de Tony Jiantong Xia, num negócio a rondar os 86 milhões de dólares (76,5 milhões de euros), anunciou hoje o clube de futebol de Birmingham.

© Reuters Staff / Reuters

Na sequência de uma época desastrosa, em que só somou três vitórias em 38 jogos, o Aston Villa não conseguiu manter-se na 'Premier League', sendo relegado para o 'Championship' (segundo escalão), o que não desencorajou Jiantong Xia a investir no clube.

O proprietário do clube, Randy Lerner, cuja base de negócios é nos Estados Unidos, já o tinha tentado vender nos últimos dois anos e só agora conseguiu arranjar um comprador depois de baixar significativamente o preço que pedia para 76,5 milhões de euros.

"O Aston Vila tem o prazer de anunciar ter chegado a acordo para a venda de cem por cento das ações de Randy Lerner para o grupo Recon, propriedade de Tony Jiantong Xia, venda essa que está sujeita a aprovação da 'Premier League' e da Liga de futebol", informou o clube em comunicado.

Uma vez consumada a aprovação da venda por esses dois organismos, bem como dos membros do novo conselho de administração, de acordo com os regulamentos em vigor, Jantong Xia tornar-se-á novo presidente do Aston Villa.

Lusa

  • Défice caiu mais de 2,6 mil milhões de euros até outubro

    Economia

    O défice das administrações públicas foi de 1.838 milhões de euros até outubro, bem abaixo dos cerca de 4.500 milhões de há um ano. É "uma melhoria de 2.664 milhões de euros" em relação ao mesmo período do ano passado, aponta o Ministério das Finanças.

  • O que têm ice tea, colas e leite com chocolate em comum? O PAN explica
    1:36
  • Vodafone Mexefest arranca hoje
    2:29
  • Mulher salva dos carris segundos antes de chegar comboio
    0:34