sicnot

Perfil

Desporto

Roger Federer desiste de Roland Garros

O tenista suíço Roger Federer, recordista de títulos do torneio do Grand Slam, anunciou hoje a desistência do torneio de Roland Garros, que começa no domingo e termina a 5 de junho.

© Ahmed Jadallah / Reuters

"Lamento anunciar que tomei a decisão de não jogar Roland Garros este ano. Tenho feito progressos sólidos no meu estado de forma, mas ainda não estou a 100% e sinto que poderia estar a correr riscos desnecessários ao jogar este torneio antes de estar totalmente preparado", revelou o número três mundial na sua página no Facebook.

Federer, vencedor de 17 Grand Slams, assumiu que a decisão de não disputar o 'major' francês não foi fácil de tomar, mas que resultou do seu anseio de jogar o resto da época e de prolongar a sua carreira.

"Continuo motivado e entusiasmado como sempre e o meu plano é atingir o melhor nível de forma antes de regressar ao circuito para a temporada de relva. Lamento pelos meus fãs em Paris, mas estou ansioso por regressar a Roland Garros em 2017", finalizou o vencedor de 2009.

Lusa

  • "Cada drama, cada problema, cada testemunho, impressiona muito"
    1:55
  • Clínica veterinária em Tondela recebeu dezenas de animais feridos nos fogos
    2:57
  • Temperaturas sobem até ao final do mês
    1:09

    País

    O tempo não dá tréguas e, até ao final do mês, as temperaturas vão atingir valores acima do normal para esta época do ano. As temperaturas máximas vão subir entre os 25 e os 32 graus. O risco de incêndio aumenta a partir desta segunda-feira em todo o país e os meios aéreos, viaturas, operacionais e equipas de patrulha vão ser reforçados.

  • A história por detrás da fotografia que correu (e impressionou) o Mundo

    Mundo

    Depois dos incêndios da semana passada na Galiza, começou a circular na internet e nas redes sociais a imagem de uma cadela que alegadamente levava a sua cria carbonizada na boca. Contudo, a cadela é na verdade macho e chama-se Jacki. Esta é a história do cão que passou os dias após os fogos a recolher animais mortos para os enterrar num campo perto de uma igreja, em Coruxo, Vigo.

    SIC

  • Quando o cão de Macron fez chichi no gabinete do Presidente francês
    0:31
  • 245 saltam de ponte de 30m no Brasil para Recorde do Guiness
    1:56
  • Antigos presidentes dos EUA angariam 26 milhões para vítimas dos furacões
    0:58

    Mundo

    Os cinco antigos presidentes dos Estados Unidos da América ainda vivos juntaram-se para ajudar as vítimas dos furacões. Bill Clinton e Barack Obama lembraram as vítimas dos furacões e elogiaram o espírito solidário dos norte-americanos. Os antigos presidentes norte-americanos lançaram o apelo no início do mês passado e já conseguiram angariar cerca de 26 milhões de euros.