sicnot

Perfil

Desporto

FIFA anuncia exoneração de secretário-geral interino Markus Kattner

A FIFA anunciou hoje a exoneração do secretário-geral interino, Markus Kattner, depois de uma auditoria interna ter detetado "desvios" de milhões de dólares relativamente aos quais terá "responsabilidade financeira".

© Arnd Wiegmann / Reuters


"Trata-se de somas importantes, de milhões de dólares", especificou uma fonte próxima da auditoria interna, citada pelas agências internacionais.

O alemão Markus Kattner, que fazia parte da direção do ex-presidente da FIFA Josep Blatter, com responsabilidades na direção financeira, terá recebido as somas em causa a título de bónus, com base num contrato cujos termos foram mantidos em segredo no seio da organização.

Secretário-geral adjunto, Markus Kattner substituiu interinamente o francês Jérôme Valcke, suspenso por 12 anos de todas as atividades relacionadas com o futebol, no âmbito do escândalo de corrupção que abalou a instituição.

Em maio, no 66.º congresso da FIFA, que decorreu na Cidade do México, a FIFA elegeu a senegalesa Fatma Samoura, diplomata das Nações Unidas, como nova secretária-geral adjunta da organização, estando a posse prevista para meados de junho.

"A FIFA não fará mais comentários e continuará a colaborar com as autoridades envolvidas", comunicou a FIFA.

Lusa

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.

  • Presidente do Brasil formalmente acusado de corrupção

    Mundo

    O Procurador-Geral da República do Brasil apresentou na noite de segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal uma denúncia contra o Presidente Michel Temer e o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) pelo crime de corrupção passiva.

  • Reconquista de Mossul ao Daesh pode estar para breve
    1:27
  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.