sicnot

Perfil

Desporto

Nelo Vingada deixa comando técnico do Marítimo

O treinador português Nelo Vingada deixou hoje o comando técnico do Marítimo, 13.º classificado na I Liga de futebol, anunciou o clube insular na sua página oficial na rede social Twitter.

PAULO NOVAIS

"O professor Nelo Vingada deixou o comando técnico da equipa maritimista. O Marítimo endereça as maiores felicidades para o futuro", refere o comunicado.

O desfecho ficou consumado após uma reunião esta manhã entre o treinador, cujo contrato acabava neste final de época, e o presidente do clube, Carlos Pereira, no complexo desportivo maritimista, em Santo António, tendo, além de Vingada, também o adjunto Arnaldo Carvalho acertado a sua saída.

Nelo Vingada regressou em janeiro à Madeira, 13 anos após a primeira passagem pelos 'verde rubros', entrando para o lugar deixado por Ivo Vieira.

Ao longo dos quatro meses no comando técnico, o melhor que conseguiu foi levar o Marítimo à final da Taça da Liga, perdida na sexta-feira para o Benfica, por 6-2, em Coimbra.

A campanha na I Liga foi uma grande desilusão para os adeptos maritimistas, tendo a equipa insular ficado longe dos lugares de acesso às competições europeias e concluído a prova com quatro derrotas consecutivas, o pior registo da temporada.

  • Vala comum com 6 mil corpos em Mossul
    1:43
  • À redescoberta da Madeira, 16 anos depois
    1:59
  • A menina que os pais queriam chamar "Allah"

    Mundo

    ZalyKha Graceful Lorraina Allah tem 22 meses, anda não sabe ler nem escrever mas já está no centro de um processo judicial contra o Estado da Georgia, nos EUA. Os pais, Elizabeth Handy e Bilal Walk, apoiados por uma ONG, exigem na justiça que o nome seja reconhecido na certidão de nascimento para que a criança possa ser inscrita na escola, na segurança social ou nos registos e notoriado. O casal já tem um filho de 3 anos que se chama Masterful Mosirah Aly Allah.

  • Acidentes em falésias matam 94 pescadores lúdicos

    País

    Mais de 90 pescadores lúdicos morreram nos últimos 19 anos e 137 ficaram feridos em 252 acidentes registados em zona rochosa ou em falésia, a maioria na zona de Lagos, Faro, segundo dados da Autoridade Marítima Nacional.

  • Partidos querem eleições a 1 de outubro
    1:35

    País

    A data para as próximas eleições autárquicas já gerou consenso. 1 de outubro é a data pedida pelos vários partidos ouvidos esta segunda-feira por António Costa. Na próxima quinta-feira, no Conselho de Ministros, o dia de ir às urnas vai ser escolhido.