sicnot

Perfil

Desporto

Adepto de futebol italiano condenado a 26 anos de prisão por matar um rival

Um tribunal sentenciou hoje um dos mais violentos adeptos italianos a 26 anos de prisão, considerando-o culpado pela morte de um rival, antes da disputa da final da Taça de Itália de futebol.

© Tony Gentile / Reuters

Daniele De Santis, um 'ultra' da AS Roma, foi condenado por ter disparado sobre Ciro Esposito, que faleceu 53 dias depois, durante os confrontos com os adeptos do Nápoles, que se encontravam na capital italiana para assistirem à final da Taça, que oporia os napolitanos à Fiorentina, em 2014.

Os advogados de De Santis argumentaram, sem sucesso, que o autor dos disparos tê-lo-ia feito "em defesa própria", tendo visto o juiz sentenciar ainda o pagamento de uma indemnização à família de Esposito.

"Perdoei o Daniele no dia a seguir aos confrontos, nunca senti ódio por ele, apenas reclamei justiça", disse a mãe de Esposito, Antonella Leardi, aos repórteres após a leitura da sentença.

O juiz sentenciou ainda dois adeptos do Nápoles, envolvidos nos incidentes violentos ocorridos no bairro Tor di Quinto, em Roma, a oito meses de prisão, menos do que os três anos solicitados pela acusação.

Durante os incidentes, cinco polícias ficaram feridos, a partida foi atrasada cerca de 45 minutos e acabou com a vitória do Nápoles, por 3-1, após 90 minutos quase em silêncio.

Lusa

  • Adeptos não devem transformar frustação em agressividade
    4:41

    Desporto

    Sporting ou Benfica vão festejar este domingo a conquista do campeonato nacional de futebol. Fora das quatro linhas, em jogo, estão sempre muitas emoções: explosões de alegria ou a mais profunda das desilusões. Porque um adepto deve estar preparado para tudo é importante saber lidar com a frustação. A psicóloga Margarida Cordo deixou algumas dicas na Edição da Noite da SIC Notícias: "não transformar a frustação em agressividade, porque às vezes a frustação é uma oportunidade de exprimirmos sentimentos negativos de outra ordem que nada têm a ver com o futebol".

  • Apoiar o Governo "é um dever constitucional"
    0:50

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa diz que apoiar o Governo é um dever constitucional do Presidente da República. Num balanço do primeiro ano em Belém, Marcelo respondeu assim a quem o acusa de andar com o Governo "ao colo".

  • Brexit só avança com aprovação parlamentar
    3:04

    Brexit

    O Supremo Tribunal britânico decidiu que o Governo precisa de ter a aprovação do Parlamento para avançar com o Brexit. A decisão foi validada por uma maioria de oito contra três juízes e justificada esta terça-feira pelo Supremo britânico. Por consequência, a libra esterlina atingiu a cotação mais alta do ano em relação ao dólar.

  • Primeira-ministra da Escócia apela ao voto contra a saída da UE
    2:25

    Brexit

    Depois da decisão do Supremo Tribunal britânico em relação ao Brexit, a primeira-ministra da Escócia veio pedir aos deputados que votem contra a saída da União Europeia. Nicola Sturgeon vai apresentar uma moção no Parlamento escocês para que este se pronuncie sobre o Brexit.

  • "A Miss Helsínquia é a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza"

    Mundo

    Sephora Lindsay Ikabala venceu o concurso Miss Helsínquia 2017 e, desde então, tem vindo a ser insultada e criticada nas redes sociais. A nigeriana de 19 anos vive na cidade desde criança. "A Miss Helsínquia é literalmente a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza", é apenas um dos muitos comentários que circula nas redes sociais.

  • As propostas Chanel para a próxima estação
    1:34

    Mundo

    Um dos desfiles mais aguardados do mundo da moda aconteceu esta segunda-feira, em Paris, com as propostas da casa Chanel para a próxima estação primavera/verão. No final do desfile, e pela primeira vez em 30 anos, Karl Lagarfeld não deu nenhuma entrevista à comunicação social.