sicnot

Perfil

Desporto

Zidane conta com Ronaldo a 100% para ajudar o Real Madrid a ser campeão

O treinador do Real Madrid, Zinedine Zidane, disse esta sexta-feira que o português Cristiano Ronaldo está totalmente apto a ajudá-lo a conquistar no sábado a sua primeira Liga dos Campeões de futebol, a 11.ª dos merengues.

© Reuters Staff / Reuters

"Acho que está bem. A 100%. É para jogar uma final... se tinha alguma coisa, acho que já está bem. Tinha um incómodo, mas não o mesmo de Londres. Agora é totalmente diferente e vai estar a 100%", disse o técnico, na antecipação ao desafio com o Atlético de Madrid, em Milão, Itália.

Numa conferência pródiga em respostas sintéticas, o técnico admitiu que espera um jogo "dificílimo", mas garantiu que o Real Madrid "está preparado".

"Todos os jogadores querem que o jogo comece e eu também. Fui finalista como jogador, como treinador-adjunto e agora como técnico principal. Estou feliz e a viver o momento intensamente. Chegar a uma final não é fácil. Os jogadores foram fenomenais em tudo", elogiou.

Zidane considera que os rivais de Madrid são os "justos finalistas" da 'liga milionária', uma vez que entende que "foram as melhores equipas" na competição, na qual vão reeditar a final de 2013/14, em Lisboa, quando o gaulês era adjunto de Carlo Ancelotti no triunfo frente aos 'colchoneros', já no prolongamento.

"Foram as melhores equipas. Merecem. Sofremos muito, mas é normal. Não existe sucesso sem sofrimento. Ninguém nos pode tirar o que fizemos. O fracasso só pode existir na atitude. Estamos preparados. Muito preparados para jogar", vincou.

Zinedine Zidane lembrou ainda que "o lema do Real Madrid sempre foi o mesmo, unidade, esforço, companheirismo e na hora de jogar todos meterem qualidade e tudo o que se tem em campo".

"Primeiro temos de defender bem, sobretudo sem a bola. É a única coisa a fazer. Temos as nossas armas para atacar, para fazer bem as coisas. O que há que fazer é correr. Correr, correr, correr...", resumiu.

O defesa central Sérgio Ramos diz que nada mudava no guião em relação à final de Lisboa, mas garantiu que o clube não vive do passado, pelo que vai atacar a final "como se nunca tivesse conquistado qualquer Liga dos Campeões".

"Vamos com a mesma fome - ou mais -, ilusão e vontade. Sabemos o que o treinador nos pede e temos de o fazer. Com intensidade e errar o menos possível. As finais ficam marcadas por pequenos detalhes", completou.

Já o lateral Marcelo disse ser "impossível" não pensar na final de Lisboa frente ao Atlético de Madrid e que agora, para "voltar a viver um grande dia", a equipa precisa "trabalhar e lutar, com muita concentração até ao fim".

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • Monumentos de 7 mil cidades às escuras por 1 hora
    2:51