sicnot

Perfil

Desporto

Nuno Espírito Santo apontado como treinador do FC Porto

Nuno Espírito Santo pode suceder a José Peseiro no comando do FC Porto. Segundo o Jornal de Notícias, Pinto da Costa escolheu o ex-treinador do Valência para comandar a equipa já na próxima época.

ANATOLY MALTSEV

A confirmar-se, será o regresso de Nuno Espirito Santo a uma casa que bem conhece. O Jornal de Notícias avança na edição desta segunda-feira que o treinador de 42 anos vai suceder a José Peseiro no comando do Porto.

Nuno Espírito Santo ter-se-à encontrado com Pinto da Costa em Vigo na semana passada.

Como técnico, Nuno Espirito Santo começou por ser adjunto de Jesualdo Ferreira no Málaga e no Panathinaikos, antes de assumir o comando do Rio Ave. Na equipa de Vila do Conde chegou à final da Taça de Portugal e também ao jogo decisivo da Taça da Liga. Em ambas as provas foi derrotado pelo Benfica.

Seguiu-se a aventura espanhola no Valência. Na primeira época, terminou na quarta posição e garantiu o apuramento para o playoff da Liga dos Campeões. Já no segundo ano, não foi feliz. e acabou por sair em novembro do ano passado.

Espírito Santo já representou o FC Porto como jogador durante cinco épocas e meia e tem agora caminho aberto para voltar como treinador principal, uma vez que, de acordo com JN, José Peseiro já terá acertado os termos de uma rescisão amigável com Pinto da Costa.

Última atualização às 09:07

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15