sicnot

Perfil

Desporto

Berlusconi confirma negociações para verder AC Milan a investidores chineses

O presidente do AC Milan, Silvio Berlusconi, confirmou hoje a existência de negociações com um grupo de investidores chineses para vender o clube e disse que os potenciais compradores "superam os dez mil milhões de euros de capital próprio".

Silvio Berlusconi

Silvio Berlusconi

© Stefano Rellandini / Reuters

"Estamos agora em conversações com um grupo de fundos e algumas empresas chinesas. Negociamos com pessoas que superam os dez mil milhões de euros de capital próprio", disse Berlusconi em entrevista à Rádio Roman "Centro Suono Sport".

O antigo primeiro-ministro de Itália explicou ainda que a concretização do negócio está ainda dependente de alguns pormenores, como o compromisso, a assumir pelos futuros compradores, de "investimentos significativos no clube nos próximos anos".

Silvio Berlusconi, que preside ao AC Milan desde 1986, tomou a decisão de vender o clube após as dificuldades económicas sentidas nos últimos anos, mas assegurou que só venderá a quem se comprometer a construir uma equipa com valor europeu e mundial.

"Com os capitais provenientes do petróleo que entram no futebol, só falta encontrar alguém que se comprometa a colocar dinheiro para refazer o protagonista AC Milan, na Itália, na Europa e no Mundo", disse o presidente do clube transalpino.

De acordo com o empresário italiano, caso o AC Milan passe a ser detido por fundos chineses, este passo constituirá uma "grande oportunidade" para desenvolver a sua marca.

"Na China, o AC Milan tem 243 milhões de fãs, pelo que a entrada nesse mercado abrirá uma grande oportunidade para desenvolver a nossa marca", adiantou Silvio Berlusconi.

Em 2015, Berlusconi já tinha iniciado negociações para a venda do clube com o tailandês Bee Taechaubol, mas o processo não evoluiu: tinham assinado um pré-acordo para a venda de 48 por cento do clube por 480 ME.

O valor foi considerado exagerado pela maioria dos observadores e a data limite para a assinatura definitiva do acordo foi adiada várias vezes, não tendo sido concretizado.

O AC Milan venceu a Liga dos Campeões por sete vezes e foi campeão italiano em 18 ocasiões.

Lusa

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02
  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.