sicnot

Perfil

Desporto

Políticos espanhóis expressam elogios fúnebres a Luis Salom

O primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, lamentou hoje a morte do piloto Luis Salom, em consequência de um acidente sofrido nos treinos livres do Grande Prémio da Catalunha de Moto2, sétima prova do Mundial de Motocilismo de velocidade.

© REUTERS FILE PHOTO / Reuters

O chefe do Governo enviou um telegrama à Real Federação Espanhola de Motociclismo, na qual estende as suas condolências à família do piloto natural de Maiorca, assim como à equipa de Salom.

"A paixão de Luis pelas motas fez com que, desde a sua estreia no Grande Prémio da Espanha, em 2009, levasse aos circuitos a elegância de um campeão, que se treinava com uma dedicação total, para ser cada dia melhor", escreveu Rajoy.

Pedro Sánchez, líder do PSOE, Pablo Iglesias, do Podemos e Alberto Rivera, do Ciudadanos, também se juntaram aos elogios fúnebres tornados públicos.

O espanhol Luis Salom tinha 24 anos, pilotava uma Kalex e estreou-se no Mundial de motociclismo de velocidade em 2009, na categoria de 125cc, tendo como melhor resultado no campeonato de Moto3 o segundo lugar obtido em 2012.

Lusa

  • Hoje joga Portugal (mas antes há um Uruguai-Rússia em direto na SIC)

    Mundial 2018 / O Mundial

    Começa a última jornada da fase de grupos do Mundial, com quatro jogos por dia. Às 15:00, numa partida transmitida em direto na SIC, a anfitriã Rússia e o Uruguai resolvem qual poderá ser o adversário de Portugal nos oitavos de final. Isto, dependendo claro da prestação da seleção nacional frente ao Irão, ao fim da tarde, uma vez que a qualificação não está garantida (e pode até depender do resultado do Espanha-Marrocos).

  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02