sicnot

Perfil

Desporto

México bate Uruguai em jogo com duas expulsões

O México entrou domingo em grande na Copa América do Centenário em futebol, ao bater o Uruguai, recordista de vitórias na prova, por 3-1, em encontro da primeira jornada do Grupo C, disputado em Phoenix, no Arizona.

© USA Today Sports / Reuters

Num embate com duas expulsões, uma para cada lado, um autogolo do ex-portista Álvaro Pereira deu vantagem aos mexicanos, que ficaram em vantagem numérica a partir dos 45, quando Matias Vecino viu o segundo cartão amarelo, após uma falta sobre o portista Jesús Corona.

Aos 73 minutos, André Guardado também foi expulso por acumulação de amarelos e, na sequência do respetivo livre, aos 74, o central Diego Godín marcou de cabeça, na sequência de um cruzamento para a área de Carlos Sánchez.

Os mexicanos não acusaram, porém, os dois contratempos, reagiram e voltaram ao comando, aos 85 minutos, graças a um tento do veterano central Rafael Márquez, de 37 anos, na sequência de um canto e vários ressaltos.

Já nos descontos, aos 90+2 minutos, a formação do colombiano Juan Carlos Osorio ainda chegou ao terceiro tento, obra de dois 'lusos': o benfiquista Raúl Jiménez, entrado aos 83, centrou para o portista Herrera marcar o 3-1, de cabeça.

O encontro teve quatro jogadores do FC Porto de início, com Herrera e Layún a cumprirem os 90 minutos e Jesús Corona a sair aos 61, nos mexicanos, e Maxi Pereira a ser utilizado todo o jogo na formação 'celeste' e a ver o amarelo aos 68.

Com este resultado, o México assumiu o comando do agrupamento, com três pontos, os mesmos da Venezuela, que bateu a Jamaica por 1-0, graças a um tento solitário de Josef Martínez, em Chicago, Illinois.

No encontro inaugural do Grupo C, o avançado dos italianos do Torino resolveu o jogo aos 15 minutos, ao dar o melhor seguimento a uma assistência de Alejandro Guerra.

A Jamaica, que podia ter marcado primeiro, aos 11 minutos, num cabeceamento de Je-Vaughn Watson à barra, viu a situação complicar-se ainda mais aos 23 minutos, quando Rodolph Austin viu o vermelho direto, por falta dura sobre Tomás Rincon.

Em vantagem no marcador, a seleção 'vinho tinto' apostou em controlar o jogo, com a posse da bola, de forma a não permitir que os jamaicanos criassem oportunidades de golo, o que conseguiu, sem ter também muitas ocasiões para ampliar.

Ainda assim, aos 74 minutos, Wilker Ángel quase marcou o segundo dos venezuelanos, que somaram os três pontos e podem continuar a sonhar com o apuramento.

Se os comandados de Rafael Dudamel estão na corrida aos 'quartos', a Jamaica está, como se esperava, praticamente, fora da corrida, após o quarto desaire por 1-0 em outros tantos jogos na Copa América -- os outros aconteceram em 2015.

Na formação venezuelana, o defesa Sema Velázquez, que atuou no Arouca, não saiu do banco dos suplentes.

PFO // PFO

Lusa

  • Vem lá chuva

    País

    A chuva vai voltar a Portugal continental a partir de quarta-feira e pelo menos até domingo, enquanto as temperaturas mínimas deverão subir.

  • "O Sporting é o um barco à deriva"
    2:26
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    A crise do Sporting foi o principal tema em O Dia Seguinte, esta segunda-feira. José Guilherme Aguiar censura Bruno de Carvalho por ter convidado Jorge Jesus para a comissão de honra da recandidatura. Já Rogério Alves não tem dúvidas que a contestação tem aumentado de tom devido à proximidade das eleições do Sporting. Rui Gomes da Silva pensa que toda a direção leonina é responsável pelo mau momento atual do clube.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Violação emitida em direto no Facebook

    Mundo

    Três homens foram detidos na Suécia, por suspeitas de violação de uma mulher, num apartamento a 70 quilómetros da capital. Os suspeitos filmaram o ato de violência e exibiram-no em direto no Facebook.

  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.