sicnot

Perfil

Desporto

Lutador Kimbo Slice morre aos 42 anos

O lutador de artes marciais mistas (MMA) Kimbo Slice, morreu esta segunda-feira aos 42 anos, segundo a confirmação do presidente da organização Bellator MMA.

Twitter Kimbo Slice

"Todos estamos comovidos e tristes pela perda devastadora e prematura de Kimbo Slice, um querido integrante da família Bellator. Perdemos um atleta com uma personalidade carismática tão grande que a sua vida transcende o desporto", declarou Scott Coker em comunicado oficial.

Não foi divulgada para já informação sobre a causa da morte de Kimbo Slice, que tinha sido hospitalizado por motivos desconhecidos, próximo da sua residência, no sul da Flórida, segundo a polícia de Coral Springs.

Slice, cujo nome verdadeiro é Kevin Ferguson, nasceu em Nassau, nas Bahamas, e frequentou a Universidade de Miami.

Kimbo Slice começou a ficar conhecido no mundo das lutas através de vídeos da internet com combates de rua.

A sua carreira no MMA foi dentro da categoria dos pesos pesados, com um recorde profissional de cinco vitórias (3 nocautes e 1 finalização) e duas derrotas.

  • Nove dos 50 feridos que continuam hospitalizados estão em estado crítico
    3:46

    Ataque em Barcelona

    Os quatro indivíduos implicados nos atentados de Barcelona e Cambrils prestam hoje declarações ao juiz Fernando Andreu, na Audiência Nacional, em Madrid. O enviado especial da SIC, Emanuel Nunes, dá conta do ambiente que se vive em Barcelona esta manhã e faz uma atualização em relação aos feridos no atentado na capital catalã. Cinquenta pessoas continuam hospitalizadas, 9 em estado considerado crítico e 13 em estado grave.

  • Ilibados trabalhadores castigados por consulta de dados fiscais

    País

    Os funcionários da Autoridade Tributária, que tinham sido castigados por terem consultado dados fiscais, foram absolvidos. O jornal Público avançou hoje que as orientações contra as sanções a aplicar aos funcionários partiram do ex-secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Rocha Andrade.

  • Novas regras para os pagamentos em dinheiro vivo

    Economia

    Os pagamentos em dinheiro acima de 3.000 euros são proibidos a partir de quarta-feira, mas aos não residentes são permitidos pagamentos até 10 mil euros, ou o equivalente em moeda estrangeira, segundo um diploma hoje publicado.

  • Brasileiros procuram Portugal
    3:59

    País

    Viver em Portugal é hoje em dia um grande sonho da classe média brasileira. De acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros, só em 2016, o número de vistos de residência aumentarem em mais de 30%. A língua, a segurança e a qualidade de vida são as razões apontadas para a mudança. Todos os dias, no consulado português no Rio de Janeiro, para a obtenção de vistos.

  • Repórteres fazem relato impressionante dos acontecimentos em Charlottesville
    3:40