sicnot

Perfil

Desporto

Paulo Bento já é último no Brasileirão

O clube brasileiro Cruzeiro, treinado pelo português Paulo Bento, perdeu na visita de domingo ao Grêmio, por 2-0, e caiu para o 20.º e último lugar do campeonato de futebol do Brasil.

(EPA/ Arquivo)

(EPA/ Arquivo)

MAST IRHAM

Com nove jornadas disputadas, o clube de Belo Horizonte soma apenas oito pontos, os mesmos que América, Botafogo, Sport Recife e Coritiba, todos a 11 pontos da dupla da frente, formada pelo Palmeiras e pelo Internacional.

Na Arena do Grêmio, a equipa da casa inaugurou o marcador quase a fechar o primeiro tempo, por intermédio de Luan, aos 44 minutos. Na segunda parte, aos 52, Douglas fechou a contagem para os anfitriões.

Aos 69 minutos, o argentino De Arrascaeta desperdiçou uma soberana oportunidade para reduzir a desvantagem para os visitantes, desperdiçando uma grande penalidade.

No 'campeonato de cima', o Palmeiras foi o grande vencedor da jornada, ao aliar o triunfo de sábado, em casa, sobre o Santa Cruz, por 3-1, à derrota do internacional na visita ao Figueirense, por 3-2.

Lusa

  • Será que lavar em lavandarias self-service compensa?
    8:21
  • "Não se pode voltar atrás, o povo de Deus confirmou a necessidade deste Papa"
    3:15
  • Dois em cada três portugueses vivem vidas sedentárias

    País

    Com menos de hora e meia de exercício semanal, mais de dois terços dos portugueses vivem vidas sedentárias. E a maioria desvaloriza a importância da atividade física, segundo um inquérito divulgado esta quinta-feira pela Fundação Portuguesa de Cardiologia.

  • Depois de dar a volta (de bicicleta de Lisboa a Setúbal)

    País

    Missão cumprida. A SIC foi dar uma volta de bicicleta, acompanhando a primeira etapa de uma iniciativa que pretende impulsionar o uso dos velocípedes no país. Ao longo desta quarta-feira, publicámos vários vídeos em direto na página de Facebook da SIC Notícias, que aqui reunimos, em jeito de balanço.

    Ricardo Rosa

  • Primeira dama chinesa defende avanços na igualdade

    Mundo

    A primeira dama chinesa, Peng Liyuan, defendeu os avanços da China em matéria de igualdade dos géneros. Uma rara entrevista, difundida numa altura em que feministas chinesas asseguram serem controladas pela polícia face às suas campanhas.