sicnot

Perfil

Desporto

OMS reforça alertas e recomendações para quem pretende assistir ao Rio 2016

A Organização Mundial de Saúde (OMS) reforçou hoje os alertas aos viajantes que pretendem assistir no Brasil aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos no Rio de Janeiro.

© Bruno Kelly / Reuters

Aquela agência das Nações Unidas continua a defender que as mulheres grávidas não devem viajar para o Brasil por causa do risco de infeção pelo vírus Zika, relacionado com a microcefalia, mas ressaltou que o risco de infeção por doenças transmitidas por mosquitos será menor já que o evento acontece no inverno.

Aos visitantes é ainda recomendado o uso de roupas - de preferência de cor clara -, cobrindo a maior parte do corpo durante o dia e o uso de repelente contra mosquitos.

A OMS recomenda também que os viajantes escolham instalações sanitárias com água canalizada e barreiras físicas, tais como telas de janelas e portas necessárias para tentar impedir que os mosquitos entrem nos quartos.

Também é prudente evitar deslocações a locais sem água canalizada e saneamento básico, que reúnem as condições ideais para a proliferação de mosquitos.

Quanto às vacinas necessárias para a viagem, a OMS destacou que os turistas devem garantir imunização entre 04 a 08 semanas antes de chegarem ao Brasil.

Daí que seja necessário garantir "esquemas de imunização de rotina, incluindo a vacinação contra a difteria, tosse convulsa, tétano, poliomielite, sarampo, hepatite B, Haemophilus influenzae tipo B", lê-se no alerta.

A OMS defende ainda vacinações adicionais contra a rubéola, papeira, gripe, febre amarela, vírus do papiloma humano, rotavírus e pneumococos e recomenda o uso de preservativos em relações sexuais para evitar o contágio por doenças sexualmente transmissíveis.

Além dos alertas sanitários, a OMS também chama a atenção para a possibilidade de roubos e crimes violentos no Brasil.

"Os viajantes devem ser aconselhados a ter cautela e usar apenas táxis oficiais do aeroporto, não viajar sozinhos à noite, evitar áreas questionáveis e viajar com uma companhia", conclui o comunicado.

Lusa

  • Passos explica porque se irritou com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.