sicnot

Perfil

Desporto

Neymar e Douglas Costa reforçam seleção de futebol do Brasil

Neymar e Douglas Costa vão ser as estrelas que reforçam a seleção olímpica de futebol do Brasil, foi hoje anunciado pelo selecionador Rogério Micale, que sucedeu a Dunga após a 'humilhação' sofrida na Copa América Centenário.

WALTER BIERI

Além dos jogadores de FC Barcelona e Bayern de Munique, Micale chamou para o Rio2016 mais um jogador com mais de 23 anos: o guarda-redes Fernando Prass, do Palmeiras, que, aos 37 anos, vai ser pela primeira vez internacional.

Após três medalhas de prata e duas olímpicas, o Brasil procura 'em casa' o sucesso que de alguma forma comece a 'redimir' os momentos muito maus que foram o último Mundial (derrota por 7-1 ante a Alemanha, na meia-final) e recente Copa América (não passou aos quartos de final).

Ao contrário do que aconteceu com a Copa América, que foi vetada, o campeão espanhol de futebol aceitou agora ceder Neymar, de 24 anos, para o torneio olímpico, que decorre de 05 a 21 de agosto.

Dunga deveria ser o selecionador para este torneio, só que não resistiu aos efeitos da enorme humilhação que foi a Copa América e saiu mais cedo. O selecionador do Brasil para o futuro já está escolhido e será Tite, que só ocupará o lugar após os meses de transição de Micale, que cede o posto depois do Rio2016, qualquer que seja a classificação.

Lusa

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.

  • Oliveira e Costa condenado a 14 anos de prisão

    País

    O fundador do grupo SLN/BPN, José Oliveira e Costa, foi esta quarta-feira condenado pelo tribunal a uma pena de prisão efetiva de 14 anos pelos crimes de falsificação de documentos, fraude fiscal qualificada, burla qualificada e branqueamento de capitais. Dos 15 arguidos no processo, 12 foram condenados.

    Em atualização

  • Escola de Vagos castiga alunos por protesto contra a homofobia e preconceito

    País

    Os alunos da Escola Secundária de Vagos, no distrito de Aveiro, organizaram um protesto contra o que consideram homofobia e preconceito. Segunda-feira, depois de duas alunas se terem beijado foram chamadas à direção da escola, que as terá informado que não podiam beijar-se em público. O protesto foi gravado e partilhado nas redes sociais. Em declarações à SIC Notícias, um dos alunos disse que todos os envolvidos no protesto vão ser alvos de um processo disciplinar. O Bloco de Esquerda já pediu esclarecimentos ao Ministério da Educação.

    EXCLUSIVO

    Rita Pedras