sicnot

Perfil

Desporto

Carrillo com vontade de ser campeão pelo Benfica

Carrillo com vontade de ser campeão pelo Benfica

O peruano André Carrillo apresentou-se hoje como jogador do Benfica e disse estar "preparado" e que estará em "forma muito rapidamente".

Carrillo, que não quis renovar contrato com o Sporting, fez o último jogo pelos leões a 13 de setembro e foi alvo de um processo disciplinar do clube de Alvalade, antes de ficar livre em janeiro para assinar por qualquer outro clube.

O internacional peruano, de 25 anos, mostrou-se hoje pela primeira vez com a camisola dos 'encarnados', no primeiro dia de contrato na Luz, que será válido até 2021, dizendo ser um momento esperado.

"Estou muito contente, muito feliz. Este era o momento que tanto esperava. A partir de agora estou às ordens do meu treinador e dos meus colegas", disse o jogador em declarações à BTV.

O futebolista, que fez o seu último jogo a 14 de outubro, pela seleção do Peru, disse ainda estar preparado: "tenho treinado, não se preocupem, vou estar em forma muito rapidamente".

O jogador acrescentou ter uma vontade muito grande de começar os treinos no Seixal e que está pronto para qualquer desafio, referindo ter vontade de conquistar o título.

"O Benfica é um clube cujo objetivo é ser sempre campeão e eu faço parte disso", disse.

Com Lusa

  • Famílias das vítimas de Pedrógão criam associação para apurar responsabilidades
    2:13
  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15