sicnot

Perfil

Desporto

Sanchez quer que Boavista faça "mais um bocadinho" esta época do que na anterior

O treinador do Boavista disse hoje querer "mais um bocadinho" esta época do que na anterior, em que a equipa lutou até ao fim pela manutenção na I Liga de futebol, alcançada apenas a duas jornadas do fim.

Dolores Ochoa

Erwin Sanchez dirigiu esta tarde, no Estádio do Bessa, o primeiro treino com vista à temporada 2016/17 da I Liga. Comparecerem algumas centenas de adeptos atentos e entusiasmados, que entoaram cânticos de apoio à equipa e ao próprio técnico.

"É sempre bom ter o carinho deles, principalmente para os novos jogadores e para nós também. Vamos iniciar esta nova época com uma ilusão muito grande, esperando que os resultados sejam o que o clube merece", começou Sanchez, no encontro que manteve com os jornalistas logo após o treino.

Nesta sessão inaugural participaram 29 jogadores, entre os quais Alex Júnior. O defesa Hackman e o médio ofensivo Bukia estiveram ausentes, sendo esperados nos próximos dias.

O treinador boliviano quer pelo menos mais dois jogadores. "Temos três centrais para já, dois com perfil direito e um com perfil esquerdo e andamos à procura de um central com perfil esquerdo, que jogue mais por esse lado, e um médio" para a posição dez, de apoio aos avançados e também capaz de fazer golos, explicou Sanchez.

"Depois ficaremos com mais um lugar", adiantou, referindo que o seu preenchimento ocorrerá "dez ou 15 dias antes do campeonato". O objetivo final é ter um plantel com 26 a 27 jogadores, para conseguir uma "época tranquila, estabilizar o clube" e fazer com que o Boavista volte a vender "e que não seja só um comprador".

"Há muitas coisas em que queremos que o Boavista seja o do antigamente e isso, obviamente, passará por uma época muito mais tranquila do que a anterior", reforçou Erwin Sanchez.

Referiu ainda que tem "um sistema na cabeça" para o Boavista e quer jogadores que se adaptem a ele. "Mas, se não os encontrarmos, temos que arranjar outra solução, mas sem dúvida que acho que é melhor escolher de um leque ampliado. No entanto, andamos sempre a pensar na economia e na estrutura do próprio clube", salientou

Para já, o técnico diz-se satisfeito com o grupo que tem ao seu dispor. Ressalvou, contudo, que "seria um pouco mesquinho dizer que já está tudo pronto".

Cinco jogadores do 'onze' base da época passada saíram: o central Paulo Vinicius, o lateral-esquerdo Afonso Figueiredo, o médio Aymen Tahar, que estava emprestado, o médio-ofensivo Ruben Ribeiro e o avançado Zé Manuel.

"O bom disto é que temos tempo para nos prepararmos" e procurar jogadores para os substituir e que encaixem no seu modelo, respondeu. "Alguns que já cá estevam no ano passado são uma boa alternativa, mas queremos sempre mais e melhorar", completou.

Questionado, por fim, se sente que a pressão é agora maior, Erwin Sanchez respondeu assim: "Sei e tenho a convicção de que com trabalho forte dia-a-dia, o Boavista pode sorrir muitas mais vezes do que estar triste."

Lusa

  • Boavista renova com Erwin Sanchez

    Desporto

    O Boavista anunciou hoje que renovou contrato com Erwin Sanchez para a próxima época, acabando assim com as dúvidas sobre a continuidade do técnico boliviano, que garantiu a permanência da equipa na I Liga de futebol.

  • Passos explica porque se irritou com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.