sicnot

Perfil

Desporto

Nani despede-se do Fenerbahçe e diz ter chegado a hora de "novo desafio"

O futebolista internacional português Nani, hoje oficializado como jogador do Valência para as próximas três temporadas, despediu-se da equipa turca do Fenerbahçe, afirmando ter chegado a hora de abraçar "um novo desafio".

MIGUEL A. LOPES

"Quero agradecer ao Fenerbahçe a oportunidade que me deu de jogar num clube tão grande e com adeptos tão apaixonados. Foi um bom ano, uma boa experiência, mas chegou a hora de abraçar um novo desafio", escreveu nas redes sociais o jogador português.

Nani, de 29 anos, habitual titular de Portugal no Euro2016, foi hoje formalmente anunciado como jogador do Valência para as próximas três temporadas.

"O Valência Club de Fútbol chegou a acordo com o futebolista internacional português Luís Carlos Almeida da Cunha 'Nani' para que seja jogador valencianista nas três próximas temporadas", informa o clube no seu sítio oficial na internet.

Depois de fazer toda a sua formação no Real Massamá e no Sporting, o extremo, à semelhança de Cristiano Ronaldo, foi contratado pelo Manchester United, em 2007/08, clube no qual se manteve até à chegada do holandês Louis van Gaal.

O técnico, que tinha levado a Holanda ao terceiro lugar no Mundial de 2014, não contou com o jogador, que acabou por ser emprestado ao Sporting, naquele que foi então um regresso de Nani a 'casa'.

Na temporada seguinte o Fenerbahçe, que contava então com o técnico Vítor Pereira, viu chegar Nani, que se juntou aos também internacionais portugueses Bruno Alves e Raul Meireles.

Lusa

  • Turistas chegam a esperar 2 horas no controlo de passaporte do Aeroporto de Lisboa
    2:35

    País

    Chegar ao Aeroporto de Lisboa pode ser uma dor de cabeça para centenas de passageiros. A espera para o controlo de passaporte chegou a ultrapassar as duas horas nos meses de fevereiro e março. Manuela Niza, do Sindicato dos Funcionários do Serviços de Estrangeiros e Fronteiras, diz que têm sido contratados inspetores que depois são desviados para outros serviços.

  • Hasta pública de madeira ardida rendeu 2,85 milhões de euros

    País

    Mais de meia centena de lotes de madeira ardida proveniente de matas nacionais e perímetros florestais geridos pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) foram esta quinta-feira vendidos por 2,85 milhões de euros, numa hasta pública em Viseu.

  • "Dinheiro gasto em contentores dava para construir outro hospital" no Porto
    1:40

    País

    A bastonária dos Enfermeiros pede uma investigação aos contratos de contentores no Hospital de São João, no Porto. Ana Rita Cavaco diz que os "milhares de euros" já gastos na contratação e manutenção dos contentores da Pediatria e outros serviços do centro Hospitalar de São João davam para construir um novo hospital. E levanta ainda a suspeita sobre a empresa contratada.