sicnot

Perfil

Desporto

Amostras de sangue da Operación Puerto nas mãos da Agência Mundial Antidopagem

A Agência Mundial Antidopagem (AMA) e a União Ciclista Internacional (UCI) revelaram hoje que recuperaram as amostras de sangue e os sacos de plasmas da "Operación Puerto", o maior caso de dopagem na última década em Espanha.

© Sergei Karpukhin / Reuters

"A AMA e a UCI vão continuar o seu trabalho conjunto de investigação sobre a Operación Puerto e consideram todas as opções legais possíveis", destacou a AMA em comunicado, depois de ser conhecida a decisão da Audiência provincial de Madrid de entregar os citados sacos às autoridades antidopagem competentes.

Em maio de 2006, 211 sacos de sangue e plasma foram apreendidos pela polícia espanhola nos escritórios do médico Eufemiano Fuentes, no âmbito de uma rusga relacionada com o desmantelamento de uma rede de dopagem espanhola, com ramificações em várias modalidades

O tribunal madrileno decidiu, a 14 de junho, absolver os dois únicos condenados na Operación Puerto, o médico Eufemiano Fuentes e o preparador físico José Ignacio Labarta, e entregar as provas do julgamento, que se realizou no primeiro semestre de 2013.

Apenas cinco ciclistas foram condenados no âmbito do escândalo que abalou o desporto espanhol.

Os sacos de sangue e plasma estão agora armazenados num laboratório acreditado pela AMA fora de Espanha.

Lusa

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.