sicnot

Perfil

Desporto

TAS adia para setembro decisão sobre recurso de Sharapova

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) anunciou hoje o agendamento para setembro da decisão sobre os dois anos de suspensão impostos à russa Maria Sharapova, ditando o afastamento da tenista dos Jogos Olímpicos Rio 2016.

© USA Today Sports / Reuters

"Maria Sharapova e a Federação Internacional de Ténis (ITF) concordaram em adiar a decisão do TAS até setembro de 2016", anunciou o tribunal, acrescentando que a decisão deverá ser tomada até 19 de setembro.

Ambas as partes litigantes solicitaram mais tempo para completar o processo, referente ao recurso apresentado por Sharapova da suspensão de dois anos imposta pela ITF pelo controlo positivo por meldonium no último Open da Austrália.

O meldonium (ou mildronate) é um fármaco, proibido na Europa Ocidental e nos Estados Unidos, recomendado para combater a insuficiência cardiovascular e permite que o coração suporte grandes cargas de trabalho físico ou intelectual.

No entanto, a AMA decidiu proibi-lo este ano, após receber dados alarmantes que confirmavam o seu uso recorrente por parte de desportistas profissionais nos países resultantes do desmembramento da União Soviética.


Lusa

  • Família perde tudo na aldeia de Queirã
    2:32
  • Temperaturas sobem no fim de semana, risco de incêndio aumenta
    1:08

    País

    A chuva que caiu nos últimos dias não deverá ter impactos relevantes na dominuição da seca e, por isso, o risco de incêndios vai voltar a aumentar com nova subida das temperaturas. Os termómetros podem chegar aos 30 graus entre domingo e quarta-feira.

  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão