sicnot

Perfil

Desporto

Alberto Contador falha Jogos Olímpicos

​O ciclista Alberto Contador (Tinkoff), que abandonou a Volta à França no último domingo, assegurou hoje que assinará "em breve" um acordo com uma equipa, já a pensar na próxima época e no seu regresso, na Vuelta.

© Javier Barbancho / Reuters

Contador, que venceu a Grande Boucle em 2007 e 2009, abandonou no domingo o Tour durante a nona etapa, explicando que se sentia febril e que não conseguia continuar, numa edição em que já sofreu duas quedas.

"Vamos assinar um acordo em breve com uma equipa. Vamos chegar a um acordo rapidamente e no próximo ano vamos tentar de novo", salientou o ciclista espanhol, depois de uma ida ao médico para avaliar as lesões.

De acordo com o clínico Manuel Leyes, o corredor tem uma rotura fibrilar de grau 2 num músculo da coxa e uma outra no gémeo esquerdo, além de "múltiplas contusões", em especial na região do ombro direito.

Lesões que impedem a participação do espanhol nos Jogos Olímpicos do Rio2016, competição que era, de acordo com Contador, o "segundo objetivo do ano" - a seguir ao Tour -, pelo que concentrará os seus esforços na Volta a Espanha, que já venceu em 2008, 2012 e 2014.

"A questão não é se estarei recuperado ou não das lesões, mas se posso chegar em ótimas condições", justificou, em relação à ausência praticamente certa dos Olímpicos de 2016 e à presença na corrida espanhola, que vai ser disputada entre os dias 20 de agosto e 11 de setembro.

O corredor, que disse estar em conversações avançadas com uma equipa lembrou, no entanto, que é corredor da Tinkoff até final do ano, quando termina o contrato com a equipa russa, que não estará no pelotão no próximo ano.

Com Lusa

  • Primeiro-ministro agradece sacrifícios dos portugueses
    0:46

    Economia

    O primeiro-ministro diz que os números do INE em relação ao défice de 2016 são prova de que havia uma alternativa e deixou uma palavra de agradecimento aos portugueses. As declarações de António Costa foram feiras aos jornalistas em Roma, onde se encontra para assinalar no sábado os 60 anos da União Europeia.

  • Jerónimo diz que UE vai continuar a causar constrangimentos a Portugal
    0:35

    Economia

    Esta sexta-feira na inauguração de uma exposição em Almada que denuncia a precariedade dos postos de trabalho, Jerónimo de Sousa falou sobre o défice de 2016. Para o secretário-geral do PCP, apesar do Governo ter ido além do exigido por Bruxelas, a União Europeia vai continuar a impedir Portugal de crescer.

  • Enfermeiros desconvocam greve

    País

    O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) desconvocou esta sexta-feira a greve geral nacional marcada para quinta e sexta-feira da próxima semana, anunciou o presidente da estrutura, justificando com os compromissos assumidos pelo Ministério da Saúde.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.

  • Probido fumar na praia? Não-fumadores aplaudem ideia
    1:33

    País

    O Comissário Europeu da Saúde defende uma proibição total do consumo de tabaco no espaço público. Esta e outras medidas foram defendidas, ontem, na Conferência Tabaco e Saúde da Liga Portuguesa Contra o Cancro. 

  • Visitar o Titanic vai custar 97 mil euros por pessoa

    Mundo

    Uma viagem a bordo do Titanic em 1912 era considerada uma viagem de luxo. Mais de 100 anos depois, continua a ser um luxo visitar o Titanic. Em 2018, vai ser possível conhecer os restos daquele que em tempos foi o maior navio do mundo. Contudo, nem todos vão poder fazê-lo, pois a viagem irá custar cerca de 97 mil euros por pessoa.