sicnot

Perfil

Desporto

Trabalhar com Mourinho no Manchester dá "motivação extra"

​O capitão do Manchester United, Wayne Rooney, considerou hoje que a contratação do treinador português José Mourinho lhe deu "motivação extra" para a nova temporada da Liga inglesa de futebol.

© Reuters Staff / Reuters

José Mourinho, que substituiu o holandês Louis van Gaal e tem como principal missão lutar pelo título em Inglaterra, afirmou já que vê Wayne Rooney a jogar mais na frente e não tão recuado como tem feito na seleção e no Manchester United.

Wayne Rooney, de 30 anos, está apenas a quatro golos do recorde do emblemático Bobby Charlton, que lidera com 249 a lista dos melhores marcadores de todos os tempos do clube de Manchester.

Aos canais de comunicação do Manchester United, Rooney confessou-se entusiasmado e excitado por estar a trabalhar com Mourinho, que considera o melhor treinador do mundo.

"É um momento emocionante para o Manchester United. Sempre o respeitei tanto como homem como treinador. Ele é uma excelente pessoa e um dos treinadores mais bem-sucedidos de todos os tempos", adiantou Rooney.

O avançado confidenciou que, enquanto jogador, está sempre motivado para desempenhar o seu trabalho, mas disse que estaria a mentir se não dissesse que está um pouco mais sempre que um novo treinador chega ao clube, como é o caso de Mourinho.

"Tenho a certeza de que todos os elementos do plantel estão satisfeitos por trabalhar com José Mourinho e ansiosos por o impressionar", acrescentou Wayne Rooney

O jogador, que passa a contar em Old Trafford com o sueco Zlatan Ibrahimovic, o defesa costa-marfinense Eric Bailly e médio armênio Henrikh Mkhitaryan, disse que nunca disputou um jogo fácil frente a uma equipa orientada por José Mourinho.

"As suas equipas são sempre difíceis de vencer, taticamente disciplinadas e, mais importante, bem-sucedidas", disse Wayne Rooney, sobre equipas como Chelsea, Inter Milão, Real Madrid e FC Porto.

"Mourinho vai trazer todas essas qualidades com ele, além de ideias próprias. Um dos principais ativos será a sua experiência. Ele treinou várias equipas de sucesso ao longo de sua carreira e toda essa experiência será vital", acrescentou.

Com Lusa

  • "Às vezes o senhor primeiro-ministro irrita-me um bocadinho"
    2:05

    País

    O Presidente da República disse esta quinta-feira de manhã que António Costa é "irritantemente otimista" por teimar em "ver violeta-rosa onde há roxo". Marcelo Rebelo de Sousa recordou ainda Mário Soares numa aula no Colégio Moderno, em Lisboa.

  • Pyongyang cria vídeo a simular ataque a navios dos EUA
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos da América pretendem reforçar as sanções à Coreia do Norte e investir nos esforços diplomáticos. Contudo, a tensão militar persiste. Pyongyang emitiu um vídeo em que simula um ataque a navios norte-americanos.

  • Cientistas testam útero artificial em cordeiros prematuros

    Mundo

    Um grupo de cientistas desenvolveu um útero artificial - o Biobag - que se assemelha a uma bolsa de plástico e que ajuda no desenvolvimento de cordeiros prematuros. O método foi testado nestes animais mas os cientistas do Hospital Pediátrico de Filadélfia, nos Estados Unidos, garantem que poderá vir a ser utilizado também em bebés que nascem prematuros.

  • Exame ao sangue descobre cancro um ano antes do reaparecimento

    Mundo

    Uma equipa de investigadores britânicos descobriu uma maneira de identificar o regresso do cancro, com um ano de antecedência. Através de um exame ao sangue, a equipa conseguiu identificar os primeiros sinais da doença, uma série de células invisíveis ao raio-X e à TAC. A descoberta pode vir a permitir tratar o cancro mais cedo e, como resultado, poderá aumentar as chances de o curar.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.