sicnot

Perfil

Desporto

"Pensem naqueles milhões que estão convosco", pede Marcelo aos atletas

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, pediu hoje aos atletas que vão representar Portugal nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro que, quando competirem, pensem nos milhões de portugueses que estão a torcer por eles.

ANT\303\223NIO COTRIM

Numa cerimónia de receção ao Comité Olímpico e à Delegação Olímpica de Portugal, no Jardim da Cascata do Palácio de Belém, o chefe de Estado disse aos atletas que vai estar com eles na abertura dos jogos, mas "a grande maioria dos portugueses estará do lado de cá, a vibrar", e pediu-lhes: "Pensem naqueles milhões que estão convosco".

"Convosco vai uma parte da alma portuguesa", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa, referindo que esta mensagem era partilhada pelo primeiro-ministro, António Costa, e pelo presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, também presentes nesta cerimónia.

O Presidente da República insistiu para que, no momento da prova, os atletas não tenham em mente apenas a estrutura que está com eles, ou a sua família, os seus amigos e admiradores.

"Vamos ser milhões de apoiantes e admiradores vossos, todos, todos, a pensarmos em Portugal, porque é Portugal que está presente em cada uma de vocês, em cada um de vocês em terras do Brasil", acrescentou.

Marcelo Rebelo de Sousa disse que estará na abertura dos Jogos Olímpicos, como os seus antecessores Jorge Sampaio e Cavaco Silva estiveram nos jogos de Atenas de Londres, respetivamente, e que depois o ministro da Educação continuará a acompanhar a comitiva portuguesa.

O Presidente da República acrescentou que o ministro Tiago Brandão Rodrigues "sofre como um torcedor onde haja uma portuguesa e um português", e observou: "É mais emoção do que razão, neste particular - não me refiro a outros".

Nesta intervenção, Marcelo Rebelo de Sousa declarou ter ficado "muito impressionado" ao saber que "dois terços das presentes e dos presentes terem continuado os seus estudos" e terem conseguido fazer a sua formação académica" e defendeu que "o desporto é essencial para a realização como pessoa".

Por outro lado, respondeu aos que consideram que os desportistas têm demasiado destaque, lembrando que "os atletas olímpicos eram tão ou mais famosos do que os políticos ou os filósofos da Grécia Antiga".

"Fizeram a história da Grécia Antiga. Eram verdadeiramente importantes, como são hoje verdadeiramente importantes como expressão da realidade social, da realidade comunitária", reforçou.

O Presidente da República disse ainda que os Jogos Olímpicos são "um ponto de encontro universal" num mundo de guerras e divergências, e realçou o facto de estes se realizarem num país lusófono e que "tem Portugal por todo o lado", o Brasil.

"É uma ocasião única na vossa vida e na vida de todos nós", considerou.

Lusa

  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • Provavelmente o melhor golo da noite de Liga Europa
    1:24
  • Vitória de Guimarães mais longe dos 16 avos de final
    1:48
  • O perfil dos novos ministros
    3:22

    País

    Pedro Siza Vieira e Eduardo Cabrita são os dois novos ministros que tomam posse no próximo sábado. Ambos têm uma particularidade: são amigos de longa data do primeiro-ministro António Costa.

  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • Fogos na Califórnia provocaram 42 mortos e perdas acima de mil milhões de dólares

    Mundo

    O comissário dos seguros da Califórnia afirmou esta quinta-feira que as perdas provocadas pelos incêndios que dizimaram extensas áreas deste Estado norte-americano excedem os mil milhões de dólares (844 milhões de euros). Estes incêndios, que começaram no condado de Sonoma County, já provocaram a morte a 42 pessoas no mês de outubro.

  • Quem está ao lado de Trump? Melania ou uma sósia?

    Mundo

    A especulação surgiu no Twitter: estaria Trump acompanhado de uma sósia de Melania para ocultar a ausência da mulher num evento oficial? A teoria da conspiração ganhou depois força nas redes sociais. Julgue por si mesmo.

    SIC

  • Norte-americano entrega-se após perder aposta com a polícia no Facebook

    Mundo

    Um jovem de 21 anos procurado pela polícia norte-americana entregou-se, esta segunda-feira, depois de perder uma aposta com a polícia, no Facebook. Michael Zaydel prometeu entregar-se se uma publicação sobre o seu desaparecimento chegasse às mil partilhas, na rede social. O jovem norte-americano prometeu ainda levar uma dúzia de donuts, caso os agentes da cidade de Redford conseguissem ganhar a aposta.

    SIC